adblock ativo

Salvador registra acumulado de chuvas superior aos índices de 2020

Publicado domingo, 11 de abril de 2021 às 14:20 h | Atualizado em 11/04/2021, 14:34 | Autor: Da redação
Segundo o Cemadec, a previsão deste domingo é de abertura de pontos de sol com poucas chuvas na capital baiana. Foto: Felipe Iruatã | Ag. A TARDE
Segundo o Cemadec, a previsão deste domingo é de abertura de pontos de sol com poucas chuvas na capital baiana. Foto: Felipe Iruatã | Ag. A TARDE -
adblock ativo

A Defesa Civil de Salvador (Codesal) registrou 1,5 mil ocorrências entre a última quinta-feira, 8, e as 10h deste domingo, 11. A maior demanda do órgão neste período foi ameaça de deslizamento, com 355 registros. Todas as solicitações da população estão sendo recebidas pelo Disque 199. 

As demandas são reflexo da intensidade das chuvas que caíram na cidade nos últimos dias. De acordo com dados apresentados pelo Centro de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil (Cemadec), nas últimas 72 horas houve um acumulado expressivo de chuvas em cinco pontos da cidade: Base Naval de Aratu, Mirante de Periperi, Praia Grande, São Tomé de Paripe e Periperi. 

A Base Naval de Aratu foi a localidade que registrou o índice mais alto entre as 9h da última quinta-feira até as 9h deste domingo, com acumulado de 297,4 milímetros. Este valor foi maior que os índices acumulados em 72 horas registrados em todo o ano anterior. Para se ter uma ideia, o maior acumulado nesta janela de tempo em 2020 foi 236,8 milímetros no bairro de Nova Brasília, no dia 22 de maio. 

As fortes chuvas, ocasionadas por um cavado associado a uma frente fria, devem enfraquecer. Ainda segundo o Cemadec hoje a previsão é de abertura de pontos de sol com poucas chuvas na capital baiana. Estas condições devem se manter até a próxima quarta-feira, 14. As temperaturas neste período devem variar entre 24° (mínima) e 31° (máxima). 

Apoio à população - Com o acionamento do Sistema de Alerta e Alarme em oito comunidades de Salvador, as famílias que precisaram deixar suas residências por conta do alto risco de deslizamento de terra foram encaminhadas para os abrigos ofertados pela Prefeitura. Até às 10h de hoje, o quantitativo de acolhidos nestes espaços era de 130 pessoas.

A comunidade de Mamede, no Alto da Terezinha, é a que tem o maior número de acolhidos. Para cumprir as medidas de prevenção ao Covid-19 e proteção à vida, nesta comunidade foi necessário usar dois espaços para o abrigamento. Na Escola Municipal Santa Terezinha há 34 pessoas, sendo 23 adultos, oito crianças, dois adolescentes e um bebê. Já na Escola Municipal Durval Pinheiro há 17 pessoas, sendo oito adultos, oito crianças e um adolescente.

Na manhã de hoje a vice-prefeita Ana Paula Matos visitou os abrigos de Bosque Real e Baixa do Cacau nas escolas municipais de Novo Marotinho e Santa Terezinha, respectivamente. A presença de Matos demonstra a preocupação da atual gestão municipal com a população em situação de vulnerabilidade. Ao lado do diretor geral da Codesal, Sosthenes Macêdo, e do titular da Secretaria de Promoção Social, Combate a Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), Kiki Bispo, ela participou ainda da comemoração de aniversário de um dos abrigados.

A Codesal, que integra a categoria de serviços essenciais do município, permanece com o plantão 24 horas todos os dias da semana. As solicitações podem ser efetuadas pelo telefone gratuito 199.

adblock ativo

Publicações relacionadas