Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > BAHIA
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
20/10/2023 às 20:09 - há XX semanas | Autor: Da Redação

CHAPADA DIAMANTINA

Brigadas voluntárias recebem recursos para combate a incêndios

Quatro brigadas receberam R$125 mil

Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão
Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão -

Quatro brigadas voluntárias do município de Ibicoara, ligadas às associações de condutores de visitantes, receberam R$ 125 mil para o auxílio no combate a incêndios florestais na Chapada Diamantina.

Fruto de uma emenda parlamentar destinada pelo deputado federal Bacelar (PV), o dinheiro está sendo usado para a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como calças, coturnos, óculos, capacetes, lanternas, barracas, um drone, dentre outros.

“A Chapada Diamantina é considerada a caixa d’água da Bahia. Lá nascem importantes rios como o Rio de Contas e o Paraguaçu, responsável pelo abastecimento de água de muitas cidades, inclusive Salvador. Mas surpreendentemente as brigadas voluntarias da região nunca receberam apoio direto para se estruturarem durante a temporada de incêndios.”, disse Fraga.

Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão. “Essa verba chegou num momento de suma importância, pois essa época é crítica para incêndios florestais e nós estamos sofrendo com falta de recursos. A emenda dá um gás ao nosso trabalho e mostra a importância dele para toda a Chapada Diamantina”, comemorou o brigadista Érlei Santos Aguiar, da associação Bicho do Mato.

De acordo com pesquisadores do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Universidade Estadual do Sudoeste Baiano (Uesb) e Grupo Ambientalista de Palmeiras, o Parque Nacional da Chapada Diamantina foi a unidade de conservação que registrou o maior número de focos de incêndio entre os anos de 2003 e 2006.

Esse mesmo problema foi se repetindo ao longo dos anos quando em 2008, por exemplo, 41% do parque foi afetado pelo fogo. Recentemente, em 2021, 680 focos de incêndio foram registrados na Chapada Diamantina e na região Oeste da Bahia.

Assuntos relacionados

BRIGADAS chapada diamantina incêndios florestais

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

BRIGADAS chapada diamantina incêndios florestais

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

BRIGADAS chapada diamantina incêndios florestais

Publicações Relacionadas

A tarde play
Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão
Play

NINJA! Homem entra pela janela e rouba caminhão na BR-324; assista

Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão
Play

Empresário é condenado após incendiar homem em situação de rua na BA

Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão
Play

Funcionário esfaqueia colegas durante horário de almoço em Jequié

Foram beneficiadas com os recursos as brigadas voluntárias Associação dos condutores de Visitantes de Ibicoara (Acvib), Bicho do Mato, Radical e Vale do Brejão
Play

Especialista em explosivos de 'duas identidades' é ligado ao CV; veja

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA