adblock ativo

Pré-candidata à presidência da OAB-BA condena tentativa de interferência na eleição

Publicado às | Atualizado em 19/10/2021, 15:25 | Autor: Da Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação -
adblock ativo

A pré-candidata à presidente da OAB da Bahia, Daniela Borges, condenou as tentativas de interferência por parte de políticos e até de membros do Poder Judiciário, nas eleições da seccional, marcadas para o dia 24 de novembro.

“Infelizmente, o que temos assistido, no cenário das seccionais, é a interferência de políticos e, inclusive, do próprio Judiciário, através de magistrados que têm pedido votos para determinadas candidaturas. É por isso que advogadas e advogados precisam refletir sobre a OAB que realmente queremos, pois é o que está em jogo nessas eleições”, disse Daniela em entrevista à rádio Boa FM, da Itabuna, nesta terça-feira, 19.

A sua luta, garante, é por uma entidade independente, que possa sim dialogar com diferentes atores sociais, mas sempre de forma igualitária.

Na cidade para o lançamento das pré-candidaturas de Andréa Peixoto e Mateus Santiago à presidência e vice da subseção local, Daniela reforçou a importância de impulsionar candidaturas femininas para a OAB em todo o país.

“Temos hoje mais de 27 pré-candidatas que disputam comandos das seccionais e aqui na Bahia, também no âmbito das subseções, temos um reflexo dessa realidade, a exemplo da pré-candidatura de Andréa Peixoto, em Itabuna”, afirmou Daniela, que é presidente da Comissão Nacional da Mulher Advogada.

adblock ativo

Publicações relacionadas