Presidente, governador e ministros sobrevoam áreas atingidas

Itamaraju, Jucuruçu e Medeiros Neto são os municípios baianos mais atingidos

Publicado domingo, 12 de dezembro de 2021 às 09:20 h | Atualizado em 12/12/2021, 14:08 | Autor: Da Redação

Neste domingo, 12, o governador Rui Costa (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) realizaram, de forma separada, um sobrevoo sobre os municípios atingidos pelas chuvas na região do extremo sul da Bahia. Itamaraju, Jucuruçu e Medeiros Neto são as cidades mais atingidas. 

 

 

Os dois desembarcam de manhã no mesmo aeroporto, em Porto Seguro, quase no mesmo horário. Depois, embarcaram em helicópteros para sobrevoar a região. Bolsonaro foi acompanhado de ministros, enquanto Rui Costa teve a companhia do senador Jaques Wagner. 

O presidente Jair Bolsonaro iniciou, por volta das 10h da manhã, o sobrevoo às áreas atingidas pelas fortes chuvas no sul da Bahia. Bolsonaro esteve acompanhado dos ministros do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, da Cidadania, João Roma e da Saúde, Marcelo Queiroga. 

 

UOL
 

O governo federal reconheceu a situação de emergência em 17 municípios baiano. Foi autorizado o emprego de tropas do exército no resgate e realocação de pessoas desabrigadas. Equipes da Defesa Civil estão na Bahia desde o dia 29. O Ministério do Desenvolvimento Regional já liberou R$ 5,8 milhões para os municípios de Eunápolis, Itamaraju, Jucuruçu, Ibicuí, Ruy Barbosa, Maragogipe e Itaberaba. 

Em nota, o Ministério do Desenvolvimento Regional afirmou que liberou R$ 1,27 milhão para Eunápolis destinados a assistência humanitária, R$ 433 mil para Ibicuí (BA) para compra de cestas básicas e materiais de limpeza. Outros R$ 51,4 mil foram para ações de resposta emergencial a Itaberaba (BA) depois de registro de inundações.

Na última sexta-feira, 10, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), disse não ter recebido nenhum contato do governo federal para apoio aos municípios do Estado atingidos pelas fortes chuvas.Neste sábado, 11, o ministro João Roma (Cidadania) rebateu a fala e afirmou já ter enviado ajuda à região. Pelo Facebook, Bolsonaro publicou uma lista de ações do governo para socorrer as cidades afetadas, incluindo um pedido para a Caixa liberar o saque do FGTS para moradores da área.

Publicações relacionadas