Rui aciona PGE para contestar ação de Bolsonaro contra decretos

Publicado sexta-feira, 19 de março de 2021 às 15:55 h | Atualizado em 19/03/2021, 15:57 | Autor: Da Redação

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), disse nesta sexta-feira, 19, que aciounou a Procuradoria Geral do Estado (PGE) contra a ação apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Bolsonaro pediu ao Supremo que sejam suspensos os decretos com restrições no Distrito Federal, na Bahia e no Rio Grande do Sul.

"Mais uma vez o presidente mostra a sua desumanidade, frieza, falta de empatia com a vida humana e demonstra ser mais uma vez um grande aliado do vírus e da morte. Ele não cansa de dar demonstrações de desprezo pelo próximo", disse Costa em entrevista à TV Aratu.

Rui ainda disse que a PGE baiana vai articular com a PGE do Rio Grande do Sul e responder ao presidente, que segundo ele, vem "atrapalhando" o combate à pandemia.

"Ele é adepto daquela teoria, um ditado que eu sempre ouvia, 'se não pode me ajudar, pelo menos não me atrapalha'. Ele, além de não ajudar, faz questão de atrapalhar. Essa ação no STF é mais uma tentativa dele de mostrar que é aliado do vírus, de acelerar as mortes. Ele mostra que é incompetente em governar o Brasil", completou Rui.

Publicações relacionadas