Rui autoriza reconstrução de casas e investimentos em educação

Cidade foi uma das afetadas pelas fortes chuvas no final de 2021

Publicado quarta-feira, 23 de março de 2022 às 21:58 h | Atualizado em 23/03/2022, 21:58 | Autor: Da Redação
Foram investidos cerca de R$ 10,9 milhões em todas as ações no município
Foram investidos cerca de R$ 10,9 milhões em todas as ações no município -

O governador Rui Costa esteve nesta quarta-feira, 23, no município de Milagres, no centro-sul baiano. Ele verificou como está a recuperação da cidade após as fortes chuvas que atingiram a localidade no final de 2021 e anunciou um convênio com a prefeitura para reconstrução de casas e pavimentação de ruas.

“Nós assinamos hoje a autorização para a construção das casas que foram perdidas nas enchentes. Conforme o convênio, o prefeito vai construir essas casas e entregar moradias dignas para as pessoas que perderam tudo. Nós estamos acelerando isso, faltam algumas cidades, mas, em no máximo 20 dias, vamos autorizar a construção de todas as casas. Além disso, anunciamos investimentos na escola estadual e na municipal, que vão ganhar equipamentos para formação profissional, cultural e esportivo para melhorar o aprendizado, o lazer e a cultura”, explicou o governador. 

O convênio com o município foi no valor de R$2, 2 milhões e visa a construção de 30 unidades habitacionais, por meio do Programa Bahia, Minha Casa.

A Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder) também foi autorizada por convênio a prosseguir com a pavimentação em paralelepípedo nas Ruas Cândido, Liobino, Topázio, 1ª Travessa Nicolau e 2ª Travessa Nicolau.

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) foi autorizada a celebrar convênio para a reforma e ampliação do Centro de Abastecimento,  na sede do município e a recuperação de estradas vicinais. Na ocasião, o governador também e entregou uma ambulância tipo Van. 

Junto do secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, Rui visitou o Colégio Estadual de Milagres e autorizou a pasta a iniciar o processo licitatório para ampliação com modernização da escola. O investimento é de cerca de R$ 1,4 milhão na construção de 12 salas de aula, biblioteca, sala de professores e quadra poliesportiva.

Além disso, a pasta de Educação recebeu autorização para licitar a construção de complexo Poliesportivo Educacional, com implantação de piscina semiolímpica, quadra poliesportiva coberta, campo society com arquibancada, pista de salto, quadra de vôlei de areia, vestiário, auditório e refeitório, o investimento é estimado em R$ 7, 4 milhões.

Entre todas as ações anunciadas e autorizadas nesta terça-feira, o governo investiu o montante de R$ 10,9 milhões. 

Publicações relacionadas