Samba Junino começa no final de linha do Garcia nesta sexta

Festa contará com a participa ção de mais de 20 grupos musicais

Publicado quinta-feira, 23 de junho de 2022 às 06:07 h | Atualizado em 23/06/2022, 00:08 | Autor: Maria Laura*
Evento também haverá concursos de canção, rainha e melhor grupo
Evento também haverá concursos de canção, rainha e melhor grupo -

Começa nesta sexta-feira, 24, o V festival de Samba Junino, celebrando os 50 anos dessa manifestação Cultural. A festa, realizada no final de linha do Garcia pela Liga do Samba Junino, contará com a participa ção de mais de 20 grupos musicais. Também haverá concursos de canção, rainha e melhor grupo.

Nesse ano, o festival terá a participação dos grupos Sambão da Mucumg, Samba Fogueirão, Samba Jaké, Samba Neguinho, Samba Duro VS, Hody Bamba, Samba Chama, Sambalança, Off Scalla, Samba Skorpio, Vai Kem Ké, Samba do Índio Tamoios, Samba Dú Papelão, Samba Duro de Terreiro, Samba Chile, Samba Coral, Balão de Ouro, Samba Zumbaê, Samba Tororó, Samba Futuka, Samba do Morro e Samba Leva Eu.

Nas atividades de competição serão avaliadas as canções inéditas, melhor rainha sambadeira, e o desempenho do grupo nos figurino e repertório. 

De acordo com Vagner Shrek, presidente e fundador do Samba Duro VS, o Samba Junino é genuinamente brasileiro: “A quadrilha junina é uma importação da França, mas o Samba Junino não, é manifestação do Brasil, passa pelo candomblé, índios, caboclo, e santos católicos. É desse caldeirão que sai o samba junino”, explica.

*Sob a supervisão da editora Kenna Martins 

Publicações relacionadas