Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > BAHIA
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
03/06/2023 às 6:40 - há XX semanas | Autor: Maurício Viana*

CENÁRIO

Viagens de ônibus e caronas crescem 201% na Bahia

Dados são de plataforma multimodal, com serviços de caronas e ônibus intermunicipais e interestaduais

Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona
Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona -

As viagens de ônibus e caronas no primeiro trimestre de 2023 na Bahia superaram os índices do mesmo período no ano passado, comprovando uma retomada do setor de turismo e deslocamentos. O crescimento foi de 201% em comparação com 2022, ficando acima da média nacional, de 116%. Em relação às viagens de caronas, o aumento foi de 92%, também acima da média nacional de 49%.

Os dados são da empresa BlaBlaCar, que oferece plataforma multimodal, com serviços de caronas e ônibus intermunicipais e interestaduais. Desde que chegaram no Brasil, a Bahia é o 8º estado mais representativo, com 90 mil usuários no universo de 15 milhões no País, numa média de idade de 33 anos. Entre os passageiros, a divisão entre homens e mulheres é quase igual. Já os condutores, 76% são homens e 24% são mulheres.

Com o destaque para as viagens entre a capital e o interior no agreste baiano, as principais rotas são: Salvador-Feira de Santana; Salvador-Aracaju; Salvador-Vitória da Conquista; e Salvador-Alagoinhas. Esse movimento é feito, por exemplo, por usuários que trabalham na capital e têm família na região. No que diz respeito aos ônibus, além destes deslocamentos mais curtos, também se destacam as rotas de longa distância, como São Paulo e Maceió.

É o caso do personal trainer Fábio Cairo, que viaja constantemente para Feira de Santana, onde moram sua mulher e sua filha, e dá caronas para dividir os custos, como ontem, em que levou dois passageiros pela plataforma. Ele conta que conheceu o aplicativo em 2017 quando ia para Aracaju com dois amigos. Com isso, já realizou mais de 20 viagens como motorista.

“Meu primo me indicou e comecei a usar. Se não tiver ninguém, vou de qualquer forma. Mas, serve como companhia também para a viagem, além da ajuda no custo com a gasolina. Acaba que fazemos amizades e o tempo passa mais rápido”, comenta Fábio.

Para oferecer carona ou ser passageiro, as pessoas precisam realizar um cadastro no site ou no aplicativo da plataforma, que não cobra pelas caronas no País. O pagamento vai inteiramente para o condutor, sendo acertado entre as partes, sem intermediação da empresa. O preço é definido pelo condutor, sem exceder o limite estabelecido pela BlaBlaCar, com os gastos bem distribuídos, sem gerar lucros e renda extra.

Após nascer na França, buscando economia, a troca de experiências, a diminuição da emissão de poluentes e dividir os custos do deslocamento com quem fizesse o mesmo trajeto, a BlaBlaCar chegou ao Brasil em 2015. Com o tempo, expandiu para a venda de passagens de ônibus, observando uma demanda reprimida em algumas rotas.

Crescimento

Atualmente, a BlaBlaCar conta com 20 empresas de ônibus regulares na região Nordeste, que cobrem quase 2 mil rotas, enquanto, no Brasil, são 190 viações, em mais de 15 mil rotas. Segundo a CEO da empresa no país, Tatiana Mattos, houve um crescimento muito sólido no número de viagens a partir da superação dos momentos mais delicados da pandemia.

“É realizado um trabalho de otimização na ocupação dos assentos vazios. Os valores são atrativos aos passageiros e não existe risco para as viações. Ainda vemos muito espaço para crescer porque grande parte dos baianos ainda compra nos guichês”, pontua Tatiana.

Ela lembra que apenas empresas autorizadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) ou órgãos locais, como a Agência Estadual de Regulação de Serviços de Energia, Transportes e Comunicações (Agerba), podem se cadastrar na plataforma, com a remuneração mediante uma taxa de comissão na venda das passagens.

A Agerba estima que mais de 165 mil passageiros vão embarcar pelo Terminal Rodoviário de Salvador no feriado de São João deste ano, sendo que a previsão entre embarques, desembarque e circulantes deve superar os 300 mil usuários. O pico do movimento de embarque acima de 42 mil passageiros será no dia 23 de junho.

A previsão deste ano supera o período de antes da pandemia, em que mais de 153 mil passageiros embarcaram na operação de São João de 2019. Porém, foi menor que no ano passado, com um público represado de mais de 170 mil passageiros por causa da pandemia.

*Sob a supervisão da editora Meire Oliveira

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Cidadão Repórter

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Publicações Relacionadas

A tarde play
Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona
Play

Passarela de concreto desaba sobre carreta em movimento na Bahia

Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona
Play

Cacique e familiares são presos em aldeia por morte de indígena

Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona
Play

Câmera flagra ataque brutal de pitbull em condomínio na Bahia; assista

Fábio Cairo é usuário de aplicativo de viagem de carona
Play

Homem é preso após roubar TV de lanchonete no oeste da Bahia

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA