Banco troca sobrenome de mulher por “vagabunda” em cartão de crédito

Mulher pede indenização de R$ 50 mil. Advogado disse que situação é vexatória e humilhante

Publicado terça-feira, 05 de julho de 2022 às 13:28 h | Atualizado em 05/07/2022, 13:27 | Autor: Da Redação
O C6, banco que enviou o cartão, se posicionou em nota e se disse “à disposição dos clientes para esclarecer dúvidas, resolver qualquer problema e apurar todos os casos”
O C6, banco que enviou o cartão, se posicionou em nota e se disse “à disposição dos clientes para esclarecer dúvidas, resolver qualquer problema e apurar todos os casos” -

Uma mulher de 29 anos, moradora de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, recebeu correspondência de um banco em que seu sobrenome é trocado pela palavra “vagabunda”, no próprio ofício como no cartão de crédito.

Sem querer se identificar, a vítima acionou um advogado e pede indenização de R$ 50 mil. O C6, banco que enviou o cartão, se posicionou em nota e se disse “à disposição dos clientes para esclarecer dúvidas, resolver qualquer problema e apurar todos os casos”.

O advogado que representa a vítima, Ederson Lourenço, descreveu a situação como vexatória e humilhante.

Publicações relacionadas