Governo federal dispensa ajuda humanitária da Argentina à Bahia

A iniciativa promovida pelo país vizinho visava enviar uma missão com profissionais especializados

Publicado quarta-feira, 29 de dezembro de 2021 às 21:28 h | Atualizado em 29/12/2021, 22:50 | Autor: Da Redação

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil dispensou o apoio oferecido pelo governo da Argentina ao estado da Bahia, onde mais de 600 mil pessoas foram atingidas pelas fortes chuvas. A decisão da União foi comunicada ao governo do estado a noite desta quarta-feira, 29, pelo consulado argentino.

A iniciativa promovida pelo país vizinho visava enviar uma missão com profissionais especializados nas áreas de água, saneamento, logística e apoio psicossocial para vítimas de desastres para o sul da Bahia, região mais afetada pela tragédia.

No Twitter o governador Rui Costa (PT) havia agradecido a oferta de ajuda humanitária e pedido celeridade ao Governo Federal para autorizar a missão internacional.

Por meio de documento oficial, o governo brasileiro agradeceu a proposta argentina e informou que a situação na Bahia “está sendo enfrentada com a mobilização interna de todos os recursos financeiros e de pessoal necessários”. 

Ainda de acordo com o Ministério das Relações Exteriores, “na hipótese de agravamento da situação, requerendo-se necessidades suplementares de assistência, o Governo brasileiro poderá vir a aceitar a oferta argentina de apoio da Comissão dos Capacetes Brancos, cujos trabalhos são amplamente reconhecidos”.

Publicações relacionadas