Maia e mais 11 partidos escolhem Baleia Rossi como candidato à presidência da Câmara

Publicado quarta-feira, 23 de dezembro de 2020 às 16:17 h | Atualizado em 23/12/2020, 19:32 | Autor: Da Redação

O deputado federal Baleia Rossi, presidente nacional do MDB e lÍder do partido na Câmara, foi o nome escolhido para ser o candidato à presidência da Câmara, pelo bloco liderado por Rodrigo Maia (DEM-RJ), atual presidente da casa. A decisão oficializada nesta quarta-feira, 23, já era um fato esperado.

A decisão foi tomada durante uma reunião na tarde desta quarta-feira, 23, entre lideranças de 11 partidos: DEM, PSDB, MDB, Cidadania, PSL, PT, PCdoB, PDT, PSB, PV e Rede.

Rossi é deputado federal em segundo mandato, ex-vereador de Ribeirão Preto e ex-deputado estadual. O deputado é o autor da proposta de reforma tributária (PEC 45/2019), que encabeçou a pedido de Maia e tem protagonismo na Câmara dos Deputados.

O anúncio foi feito na presença de Aguinaldo Ribeiro, de Isnaldo Bulhões (AL), futuro líder do MDB na Câmara e do presidente Rodrigo Maia. Eles fizeram um pronunciamento sem espaço para perguntas dos jornalistas.

“(Maia) teve um papel fundamental de garantir a independência da nossa Casa, da Câmara Federal, e nesses último dois anos colocou a nossa Câmara dos Deputados como protagonista dos grandes debates na nossa nação”, disse Baleia Rossi.

Rossi citou a frente ampla de partidos unidos no bloco. Disse que, com a união entre centro e esquerda, há "total perspectiva" de vitória.

O deputado é filho do ex-deputado e ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Rossi. Nos últimos dois anos, atuou como autor de uma das propostas de reforma tributária que tramitam na Câmara.

Em outubro de 2019, assumiu a presidência do MDB pregando a bandeira de renovação do partido. Baleia Rossi irá disputar com Arthur Lira (PP-AL), candidato de Jair Bolsonaro. O nome dele já era apontado como um dos favoritos do atual presidente da Câmara, ao lado de Aguinaldo Ribeiro, também do PP. O suspense, agora, gira em torno do nome que será escolhido para o ser o primeiro vice da chapa. Os partidos de esquerda tentam emplacar esse nome.

Publicações relacionadas