Mulher é presa por injúria racial após chamar pai e filho de "negrada do inferno" no DF; vídeo | A TARDE
Atarde > Brasil

Mulher é presa por injúria racial após chamar pai e filho de "negrada do inferno" no DF; vídeo

Publicado quinta-feira, 29 de julho de 2021 às 14:26 h | Atualizado em 29/07/2021, 14:29 | Autor: Da Redação
Idoso saía de consulta médica e filho o acompanhava | Foto: Reprodução/ Redes sociais
Idoso saía de consulta médica e filho o acompanhava | Foto: Reprodução/ Redes sociais -

Uma mulher de 64 anos foi presa em flagrante nesta quarta-feira, 28, após proferir ofensas racistas contra um homem e seu filho, que estavam em frente a um shopping no Distrito Federal.

"Negrada do inferno, vai pro raio que o parta", bradou a mulher.

Eles haviam saído de uma consulta médica, pois o idoso, de 70 anos, faz tratamento contra um câncer, e o filho, de 39, o acompanhava.

O filho gravava um vídeo com o pai, que é pintor, comentando sobre as novas tecnologias de pintura, quando a mulher se aproxima e profere, gratuitamente, as ofensas.

Segundo a família e testemunhas, a agressora ainda empurrou o idoso ao chão e bateu com a bolsa nos filhos dele. 

Uma policial militar de folga passava pelo local e acionou a corporação. A mulher tentou fugir do local, agrediu a policial e um bombeiro, que se aproximou da cena. Ela foi levada a uma delegacia em uma viatura, pagou fiança de R$ 1 mil e foi liberada.

"Essa mulher não acordou hoje racista. Ela é racista mesmo. A gente ficou muito impactado com a situação", disse o filho em entrevista ao Jornal Hoje. O pai afirmou que sempre viveu racismo velado, mas nunca havia passado por situação semelhante.

"Eu fiquei muito chateado, nervoso demais da conta".

Confira o vídeo

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS