Possíveis restos mortais de desaparecidos na Amazônia chegam ao DF

Corpos serão periciados pelo Instituto Nacional de Criminalística da Polícia Federal

Publicado quinta-feira, 16 de junho de 2022 às 19:12 h | Atualizado em 16/06/2022, 19:15 | Autor: Da Redação
Restos mortais foram encontrados após um suspeito pelo desaparecimento da dupla ter apontado o local onde Bruno e Dom teriam sido enterrados
Restos mortais foram encontrados após um suspeito pelo desaparecimento da dupla ter apontado o local onde Bruno e Dom teriam sido enterrados -

O avião que transporta os resto mortais que podem ser do indigenista brasileiro Bruno Pereira e do jornalista inglês Dom Phillips chegaram em Brasília na noite desta quinta-feira, 16.

Eles desapareceram no domingo, 5, no Vale do Javari, no Amazonas. Os restos mortais foram encontrados após um suspeito pelo desaparecimento da dupla ter apontado o local onde Bruno e Dom teriam sido enterrados.

Após chegar em Brasília, os corpos serão periciados pelo Instituto Nacional de Criminalística da Polícia Federal.

Amarildo da Costa de Oliveira, 41, conhecido como "Pelado", confessou nesta quarta-feira, 15, que Bruno e Dom foram mortos e tiveram os corpos esquartejados e queimados.

O irmão dele, Oseney da Costa Oliveira, conhecido como 'Dos Santos', foi preso nesta terça-feira, 14, também suspeito de envolvimento no crime.

Publicações relacionadas