Prédio de 23 andares é esvaziado em São Paulo por risco de desabamento | A TARDE
Atarde > Brasil

Prédio de 23 andares é esvaziado em São Paulo por risco de desabamento

Moradores relataram ao Corpo de Bombeiros que sentiram tremores

Publicado terça-feira, 13 de fevereiro de 2024 às 20:34 h | Autor: Da Redação
Edifício Residencial Giovannina Sarane Galavotti possui 133 apartamentos
Edifício Residencial Giovannina Sarane Galavotti possui 133 apartamentos -

Um prédio de 23 andares precisou ser esvaziado às pressas, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Colunas da estrutura do local apresentaram danos, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Moradores do prédio sentiram tremores e chamaram os bombeiros, que constataram o problema após vistoria e apontaram risco de desabamento.

O edifício Residencial Giovannina Sarane Galavotti possui 133 apartamentos, além de pavimentos com garagem. O prédio foi entregue aos moradores em 2011. A Defesa Civil liberou as famílias para a retirada de documentos que ficaram nos apartamentos.

"A primeira preocupação era retirar os moradores. Constatamos três colunas rompidas e está sendo feito um trabalho de escoramento para que os esforços das demais colunas (que não estão danificadas) sejam divididos", disse o capitão do Corpo de Bombeiros, Thiago Duarte, ao site G1.

Publicações relacionadas