Porto Seguro fecha 2020 como o palco da guerra Covid x turismo

Publicado terça-feira, 29 de dezembro de 2020 às 06:04 h | Atualizado em 28/12/2020, 23:41 | Autor: [email protected]

Um anúncio repetido com muita frequência na TV Santa Cruz, com assinatura da Associação de Moradores e Empresários de Trancoso e Arraial d’Ajuda, conclama o povo a não deixar o verão nem as praias de lado, podem chegar, com os cuidados contra a Covid, claro.

No fim da semana passada, o governo baiano conseguiu uma liminar da juíza substituta de 2º grau Zandra Anunciação Alvarez Parada, que mandou parar tudo. E estabelece multa de R$ 300 mil para quem desobedecer e organizar festas, especialmente na virada do ano.

Sábado a polícia já empastelou uma. Eis que Porto Seguro, pelas belezas naturais mais a mística de ser o local da chegada de Pedro Álvares Cabral, fecha 2020 como exemplo maior na Bahia do cansaço empresarial e a necessidade das precauções contra a Covid.

Política — Só no fim de semana foram 43 jatinhos no aeroporto Terra à Vista, em Trancoso. E em Porto Seguro mesmo, há 1.010 voos previstos para janeiro. Dá para segurar?

Jânio Natal (PL), o prefeito eleito, ganhou a eleição tomando lado, a defesa do direito de o trade turístico abrir. Chegou a prometer distribuir kits com remédios aos visitantes, algo muito criticado, e agora, mais cauteloso, diz que, quando assumir, vai estudar o caso melhor.

Mas já anunciou que a secretária da Saúde será a médica Raíssa Soares, bolsonarista que ganhou de presente do presidente uma carga de cloroquina. Lá, 2021 chega no olho do furacão da polêmica.

Mais cacau, o foco principal

Eleito por unanimidade pelos 13 municípios que integram o Conselho Intermunicipal do Mosaico das Apas (Ciapra), a associação do baixo sul, Leo de Neco (PP), prefeito reeleito de Gandu, diz que o foco principal de sua gestão será o de turbinar o programa Mais Cacau, que visa aumentar a produtividade nas fazendas.

A área fica no norte da região cacaueira e concentra as maiores áreas plantadas de cacau. Segundo Leo, se isso for bem, o resto vai bem.

Pacheco vai para TV Alba

O jornalista José Pacheco Maia Filho, o Pacheco, secretário de Comunicação de Salvador, vai ceder a vaga para Renata Viana, mas nem por isso ficará a ver navios. Nas rearrumações do time de Neto para formar o governo de Bruno Reis, o destino dele é o comando da TV Assembleia.

Na partilha dos espaços na Alba, a TV Alba é da oposição, que, segundo Ângelo Coronel (PSD), ex-presidente hoje senador, ‘só dá audiência quando tem impeachment’.

Tudo nos conformes

Bruno Reis chamou para o secretariado os vereadores Kiki Bispo e Luiz Carlos, a fim de arrumar a vida de Palhinha (DEM) e Albérico Fraga (Republicanos), mas se poupou de mexer na bancada da oposição na Assembleia ao manter Leo Prates (PDT).

Leo é deputado estadual e o licenciamento dele garante lá Carlos Geilson (PSDB), que apoiou Colbert Martins no segundo turno em Feira para ficar deputado. Mas ficou tudo nos conformes.

Curiosidades no anúncio do secretariado de Bruno

Um detalhe chamou a atenção no anúncio do secretariado de Bruno Reis, a promoção de Fabrizzio Müller do comando da Transalvador para a Secretaria da Mobilidade. Ele entra em cena como um que ingressou no time de ACM Neto pela porta do lado e deu certo. Chegou à Transalvador porque criticou nas redes um veículo da dita-cuja  estacionado em local proibido, convidado pelo então secretário dos Transportes, José Carlos Aleluia.

Ficou os oito anos de ACM Neto e agora, no novo governo, é promovido. Deu certo.

Também foi curiosa a indicação de Alberto Pimentel, marido da deputada federal Dayane Pimentel (PSL), para a Chefia de Governo. Cá, ele se candidatou a vereador e perdeu. Em Feira, no segundo turno, ela apoiou Zé Neto (PT).

REGISTROS

Concurso em Amargosa

A prefeitura de Amargosa mantém, até o dia 3 janeiro, as inscrições abertas para  um concurso que pretende preencher 32 vagas nos níveis médio e superior. Não há risco de descontinuidade. O prefeito Júlio Pinheiro (PT) se reelegeu, e bem: mais de 72%.

Careca melhor

Veja como a Covid bate diferente nas pessoas. Genivaldo Deolino (PSDB), de 66 anos, prefeito eleito de Santo Antônio de Jesus, testou positivo para a Covid e nada teve demais. Já o vice dele, Luís Careca (PSDB), de 49 anos, passa o maior perrengue. Só ontem saiu da UTI do Santa Izabel, em Salvador. 

Triste partida

Adalberto Luz (PTB), prefeito derrotado de Ituaçu, está numa  triste partida do mandato de forma melancólica: demitiu a professora Ana Paula Teixeira num processo sumário. Ela é conselheira do Fundeb e desaprovou as contas do ano passado porque não viu um documento sequer.

Arquivo morto

Morreu sábado em Barreiras, vítima da Covid, Hamilton de Souza Santos, ex-prefeito de Formosa do Rio Preto, a terra da Operação Faroeste. Era um arquivo-vivo sobre o caso.

Publicações relacionadas