O Carrasco - Carquejada desmedida

Publicado segunda-feira, 22 de março de 2021 às 06:00 h | Atualizado em 24/01/2022, 11:03 | Autor: Administrator

CARQUEJADA DESMEDIDA I

Que o Poder Judiciário de certo modo vem tentando controlar os passos do Governo Federal, isso não é novidade. Relembre-se que logo no início da pandemia, o juiz federal Eduardo Carqueja deferiu liminar a pedido do governador Rui Costa, determinando a instalação de barreira sanitária nos aeroportos do estado. Na decisão, de 19 de março do ano passado, o magistrado determina que voos de São Paulo e Rio de Janeiro possam ser inspecionados, e também os internacionais de países onde a covid-19 já está presente. Em nota na época, a ANVISA acusou o juiz de ter decidido de forma açodada, que era clara a ineficácia da medida desejada pelo governo baiano e que a medição de temperatura de forma indistinta para todos os passageiros não estava em seu protocolo. Provou-se, depois, que aquele tipo de controle, de fato, era uma aberração, tanto que o Tribunal Regional Federal da 1ª Região, rapidamente cassou a decisão.

CARQUEJADA DESMEDIDA II

Na época, o bolsonarismo ficou em alerta com alguns setores do Judiciário. Achou estranhíssimo o fato de alguns juízes se imiscuírem nas deliberações do Executivo, sobretudo porque algumas – tirando o negacionismo com relação à vacinação em massa e isolamento social – foram acertadas. Na semana passada, a pedido do MPF, o mesmo juiz desconsiderou os pareceres do INEMA, ANTAQ, IBAMA e UNIÃO e determinou a paralisação (e não foi pela covid, viu gente) da primeira etapa de uma obra portuária na região de candeias que, quando pronta, irá gerar importante fonte de escoamento de cargas, além de milhares de empregos diretos e indiretos. O curioso é que o argumento utilizado é que o licenciamento deveria ser feito pela IBAMA e o IBAMA, pasmem, disse que efetivamente a competência não era do órgão federal e sim estadual, no caso o INEMA. Realmente tem um ou outro magistrado que não quer ver o país crescer. O Ministério dos Transportes, que pretendia inaugurar o terminal portuário, anda pê da vida com esses entraves artificiosos e certamente irá recorrer da pérola baiana, tal como ocorreu com uma liminar que paralisava as obras da TECON no Porto de Salvador e foi rapidamente suspensa pelo TRF em Brasília. A claque bolsonarista promete manifestações apenas nas redes sociais. Esse Carrasco jamais admitiria aglomerações e criticaria aqui mesmo movimentos de pessoas.

MALAS PODEM APARECER

Um ex-Secretário de Indústria e Comércio do Estado da Bahia – e ao que parece não é o professor petista – ficou endinheirado na época da pareceria entre o governo petista e um todo poderoso ex-Ministro. Fontes desse Carrasco dizem que ele pode ter uma verdadeira fortuna guardada em espécie. Se é dele ou não, só o tempo irá dizer. O que tem chamado a atenção nos dias de hoje é que o cidadão, outrora de idealizações grandiosas e que andava viajando o mundo, teve que se isolar por conta da pandemia e pretende agora retornar ao mercado imobiliário, porém por uma empresa de administração de bens condominiais.

CASA DE FERREIRO, ESPETO DE PAU

O governador Rui Costa e o prefeito Bruno Reis mandaram muito bem ao decretar as medidas restritivas para evitar a aglomeração de pessoas e estimular o isolamento. Um dos setores atingidos foi o das academias de ginástica. Na semana passada, causou revolta uma postagem feita nas redes sociais do secretário de saúde Fabio Vilas-Boas, malhando com toda pompa na academia de seu prédio. Tudo bem que se exercitar faz bem à saúde e protege em caso de acometimento pelo coronavírus. O que espantou nos comentários à postagem é que a grande maioria da população baiana não tem academia em casa. Ou o secretário levou a ferro e fogo o ditado “farinha pouca, meu pirão primeiro”, ou então não tá nem aí para o exemplo a ser dado, até porque o gestor já teve covid e deve andar com o IGG nas alturas. O Carrasco apurou e viu que o post foi apagado pela própria assessoria. Mandou mal secretário.

“ERNESTO, MEU RAPAZ”!!!

Um trio de advogados com vínculos na cidade de Valença; um deles de sobrenome MARSALA, integram o time dos Caça-Empresários. Seduzem possíveis clientes para chantagear empreendedores com ações despropositadas, sobretudo na área de meio-ambiente, associados a antigos eco-chantagistas que quando passam fedem que nem GAMBÁ. Seus favores a instituições que deveriam atuar com parcimônia e nortear seus promotores, na grande maioria das vezes acabam por gerar receitas decorrentes dos denominados TACs feitos sob vara. Quando a estratégia sai do trilho e o empreendedor não cede à pressão, as ações são julgadas improcedentes e as associações utilizadas como boi de piranha recebem multas pesadíssimas por litigância de má-fé, além de condenação de honorários de sucumbência. E o trio de causídicos, por incrível que pareça, saem ilesos.

NÃO ESQUEÇAMOS...

Edições pretéritas deste Carrasco noticiou que a nova gestão da Secretaria de Segurança Pública não estava poupando apadrinhado político, vide operação que desbaratou quadrilha que atuava no DETRAN. O Carrasco frisou também que a NEW SSP deveria dar uma fuçada para apurar os comentários de supostas atividades não republicanas na AGERBA. Se verdade ou fococa, caberá também à promotoria de primeira instância apurar, afinal de contas SOLDADO RASO não tem prerrogativa de foro.

PASSARAM A BOIADA

Certamente por essa nem o Executivo estadual esperava e nem vai aceitar. A Fundação de Saúde da Família, entidade responsável pelos programas de saúde do estado no enfrentamento da pandemia do coronavírus acaba de emplacar um agente de portaria para o cargo de diretor geral. O premiado, dublê de advogado, exerce um cargo de direção jurídica no SINDPREV, embora não tenha, segundo informações de bastidores, formação completa em direito. O governo Rui Costa, elogiado pela boa condução da crise pandêmica, certamente tomará as devidas providências para desfazer essa aleivosia.

PERIPÉCIAS DO MAGNÍFICO

Ele, que volta e meia aparece por aqui, tratou de voltar com tudo. Desta vez, mais uma denúncia contra a FTC. A SEDUR foi chamada ao local após receber a informação de que não havia EPIs nas Clínicas-Escola da Instituição. Resumo: local fechado por tempo indeterminado. Teve até gente tentando defender o indefensável e colocando a culpa em alunos que "não querem servir ao próximo". Será? A verdade mesmo é que volta e meia a FTC nos traz uma historinha para contar. Coisas dos produtos magníficos!

POÇO

Hoje, quando se comemora o dia Mundial da Água, merecem destaque as ações do Governo do Estado e o avanço no setor através da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs). O ponto fora da curva fica para o comportamento do engenheiro Dirigente Mor da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (CERB). Com queixas contra ele por ser excessivamente centralizador e desatencioso, dizem que o rapaz parece ter enterrado a cabeça num dos poços perfurados pela empresa e não escuta ninguém. Tomara que o poço não esteja contaminado!

OS BOLSOS DA FIOL

A Ferrovia Oeste Leste nunca esteve em tamanha evidência e polêmica. Com interesses envolvidos que até Deus desconhece, a pauta virou motivo de revolta para a deputada Ivana Bastos. A parlamentar criticou uma matéria veiculada no jornal Valor Econômico mostrando vieses contrários à conclusão das obras, bem como afirmou que a nota é mais uma tentativa para favorecer setores que podem perder o monopólio da malha ferroviária no estado. O cenário perfeito das obras em execução começa a deixar os políticos em alerta para que intrusos não queiram comandar mais esta empreitada.

PRESTÍGIO À MOSTRA

O prestígio por conta do aniversário de 70 anos do senador Jaques Wagner foi intenso. Nome do PT para a disputa pelo governo do Estado em 2022, ele foi reverenciado por todo mundo: da bancada do partido na Assembleia Legislativa, os ex-presidentes Lula e Dilma, passando pelo ator Zé de Abreu. Há quem diga que acendeu o alerta no grupo de trabalho formado por ACM NETO para 2022.

DE OLHO NA BOMBA

A OAB - Subseção Eunápolis, por intermédio da Comissão de Defesa do Consumidor, protocolou ofício, para sugerir investigação nas empresas que fazem comércio de combustíveis, dentro da jurisdição de atuação do Ministério Público da Bahia. A Comissão solicita que sejam investigadas possíveis práticas abusivas de aumento de preços em postos de combustíveis de Eunápolis. A discrepância nos valores cobrados tem sido enorme entre os postos da região. Pelo visto não há cartel por lá, como aqui na capital, onde o consumidor sofre para conseguir um preço mais atrativo.

ESCÂNDALO DE PARAR O TRÂNSITO

Lembram da loira de parar o trânsito, que tem dado as cartas num órgão da prefeitura de Salvador? Pois bem. A esposa do gestor garanhão apareceu repentinamente na repartição pública e fez o maior barraco na semana passada. Acuado, o galã escondeu a moça numa sala reservada, em que precisa de impressão digital para ter acesso. A mulher traída vasculhou todas as salas, até chegar no esconderijo e fazer um barraco. Há quem diga que ela ficou possessa, ao perceber que o acesso ao local estava no vermelho.

DEPUTADO SEM NOÇÃO

Os leitores do Carrasco ficaram impressionados com a nova investida do deputado estadual Capitão Alden, do PSL. Ao grafar que seus conteúdos do Instagram são “excelentes”, ele defendeu um projeto de sua autoria que reduz os salários de secretários municipais, prefeitos e vereadores, “objetivando a destinação para o auxílio emergencial”. O nobre parlamentar só esqueceu de defender a redução do próprio salário, dos seus pares, e dos respectivos secretários estaduais.

MEDO DE QUÊ?

Enquanto o presidente do PT de Salvador, Ademário Costa, é acessível e não foge ao debate de ideias, o presidente do partido na Bahia, Éden Valadares, se esconde de todos da imprensa que o procuram. Há quem diga que o gato comeu a língua do dirigente estadual da sigla, que não dialoga com a militância e não torna público o que pensa sobre os destinos do PT. Será que está cantando vitória antes do tempo, com a liberação do “LULA 2022”?

PEPINO À VISTA

A nova prefeita de Vitória da Conquista, Sheila Lemos (DEM) está com um abacaxi, ou melhor, um pepino nas mãos para resolver. A empresa BAHIA IMAGEM UNIDADES MÓVEIS, responde a uma ação popular sob acusação de superfaturamento na locação de ambulâncias para a prefeitura daquela cidade. Inclusive, o Ministério Público do Estado da Bahia já teria dado parecer apontando fortes indícios do alegado superfaturamento e da má prestação dos serviços e recomendado a não contratação dessa empresa pela Secretaria de Saúde Estadual, mesmo tendo ela vencido o pregão eletrônico junto à SESAB. Como não é a primeira vez que a BAHIA IMAGEM UNIDADES MÓVEIS se envolve em polêmicas de malversação com recursos públicos, este Carrasco vai colocar sua lupa nessa atuação. Em breve fortes e emocionantes novidades.

CARA DE PAU III

A cidadã que é dona de cartório e que, como se sabe, não gosta nada de pagar custas, agora aprontou mais uma. É que ela está falsificando prova de processo judicial. Será que essa moça de fato está merecendo ocupar um cargo desses, cujo requisito é ter fé pública? O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Corregedoria já devem estar de olho nisso.

Publicações relacionadas