O Carrasco - Contrato aditivado em quase R$ 23 milhões

Publicado segunda-feira, 07 de fevereiro de 2022 às 00:00 h | Atualizado em 09/02/2022, 16:24 | Autor: Da Redação
Os bastidores do poder baiano passam por aqui
Os bastidores do poder baiano passam por aqui -

ASSUNTO DA SEMANA

Se contar ninguém acredita. Por isso mesmo, foi necessário estar registrado no Diário Oficial de Feira de Santana a nova façanha da Secretaria de Educação do município. Os contratos da Ativacoop e empresa Confiança foram aditivados em quase R$ 23 milhões. Ambas prestam serviço para a pasta, com gerenciamento de mão de obra. Até o momento, a secretária não justificou o feito, que já anda incomodando muita gente e levantando suspeitas. Estamos de olho Anacim!

FOLHA PARRUDA

A Câmara de Vereadores de Mata de São João está em polvorosa. Alvo de denúncias, a pergunta que não quer calar é como a folha atingiu R$ 1 milhão em gastos com pessoal. Segundo os denunciantes, não há ações da Câmara que justifiquem as novas contratações, que passou de 82, em 2020, para 129, em 2021, muitos com salários que chegam a R$ 8 mil por mês. Enquanto a farra vai ficando boa para uns, o Carrasco questiona: e agora Neném? 

ENTRE CAVALHEIROS

O prefeito Mário Alexandre (PSD) e as empresas Viametro e São Miguel conseguiram extinguir a Comissão Especial de Inquérito (CEI) que se propunha a investigar o subsídio milionário, no valor de R$ 17 milhões, pago pelo município às concessionárias do transporte coletivo. Quatorze vereadores participaram dessa "manobra" e votaram a favor do fim da Comissão. Se a gestão tem a maioria na Câmara, coitado do povo!

TREMENDO NA BASE I

Zito Barbosa parece estar vivendo seu inferno astral. Fontes do Carrasco revelam que o prefeito de Barreiras anda acumulando um grupo de vereadores insatisfeitos, que já propagam pela cidade a mudança de lado no apoio político ao gestor. A alta insatisfação popular com a gestão e o tal ‘ouvido de mercador’ de Zito vem dando força às queixas dos vereadores.

TREMENDO NA BASE II

O ‘racha da base’ tem até data para acontecer. Será amanhã e na hora que o prefeito estará fazendo seu tradicional discurso de abertura dos trabalhos do Legislativo Municipal. Uma coisa é certa: caso Zito queira eleger sua esposa deputada, terá que parar de maltratar a base e possibilitar o diálogo antes que todas as portas se fechem. 

NEGACIONISTA?

Durante a live semanal, o prefeito de Brumado, Eduardo Lima Vasconcelos (Sem Partido), criticou o uso "exagerado" de máscara em Salvador, onde esteve por diversas vezes nos últimos meses para reuniões. O gestor se diz surpreso com tanta gente contaminada em Salvador. Chegou a dizer que o "uso de máscara em Salvador é uma coisa terrível". Ainda bem que não é o prefeito daqui. Coitados dos Brumadenses.

VAI TER CONTRAPARTIDA?

Em Serrinha, o prefeito Adriano Silva Lima, sancionou a lei que autoriza a cobrança mensal de taxa de coleta de lixo residencial e não residencial, o que tem causado indignação para boa parte da população. Até aí tudo bem, desde que o serviço seja eficiente e como consequência se mantenha a cidade limpa. Até agora não se justifica o pagamento.

DIPLOMA AMIGO

O MP recebeu representação noticiando que o Município de Guanambi ofertou bolsas estudantis especificamente para o curso de medicina da uma faculdade particular, tendo como beneficiários pessoas vinculadas a políticos e empresários da região, em nítida violação aos princípios da administração pública. Com isso, o município vai ter que anular a seleção de estudantes em razão de ilegalidades e inconstitucionalidades no processo seletivo. Tava até demorando aparecer coisa por lá!

CHEQUE EM BRANCO

A Assembleia Legislativa aprovou um cheque em branco para prefeituras e o enterro da Lei de Responsabilidade Fiscal. O pai da criança é o deputado Rosemberg Pinto (PT). A lei aprovada pela Assembleia veda punições a prefeitos condenados pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), a não ser em caso de "má intenção". Pode-se discutir medidas para atualizar a legislação, mas é evidente que uma medida como essa libera a gastança generalizada e o vale tudo no trato com as finanças públicas, ao incluir um critério tão subjetivo como "intenção". Ou seja, se foi sem querer, tudo bem.

MAIS DOLO, MENOS CULPA

Esse movimento da Assembleia não é isolado e vai na linha de, cada vez mais, limpar a barra dos prefeitos. Ao ser aprovado pela Assembleia no ano passado para uma vaga de conselheiro no TCM, Nelson Pelegrino (que apesar da formação em Direito, fez carreira na política, é bom lembrar) prometeu não se prender apenas “à letra fria da lei”. Assegurou que, ao julgar as prefeituras, buscaria separar o dolo da culpa. “O dolo é a intenção de lesar o erário público e tem que ser punido com rigor. Já a culpa, o gestor municipal pode errar por negligência, mas muitas vezes erra tentando fazer o melhor. Esse é o entendimento que a gente deve ter. Não se pune mais o gestor por mera culpa; tem que ter o dolo ou erro grosseiro”, disse Pelegrino, na época. O papo já estava dado há muito tempo.

É MUITO AMOR I

Durante seu discurso de abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa, o governador Rui Costa não poupou elogios ao vice-governador, João Leão (PP), a quem deseja convencer a ficar na órbita da base governista. Diante de um cenário adverso, em que o PP migraria para o grupo liderado pelo ex-prefeito ACM Neto, Rui falou em uma parceria exitosa entre PT e PP. A relação entre as duas siglas não agrada a todos da base, como é o caso do deputado Marcelo Nilo, que tem criticado o ‘excesso de benesses’ ao PP e PSD em detrimento das outras siglas da base.

É MUITO AMOR II

A história de amor entre Marcelo Nilo e Jaques Wagner é uma das mais bonitas da política baiana. Melhor dizendo: é a história do amor de Nilo por Wagner e de como o deputado precisou lidar com a rejeição, já que o Galego nunca retribuiu à altura. Em 2014, como o clássico amante rejeitado, Nilo chorou (quem não se lembra?) em uma entrevista de rádio minutos depois de ser "trocado" por João Leão na chapa de Rui Costa. Todo mundo já sabia que a vaga ficaria com Leão, mas a "dor de corno" não foi menor por isso. Ainda assim, a relação permaneceu por muito tempo. Agora, oito anos depois, Nilo diz que não é valorizado por Wagner e sua turma, arruma as coisas e ameaça ir morar com ACM Neto. Wagner se antecipa, diz que está tudo acabado e o chama de "cristal quebrado". A novela, porém, só deve acabar em março.

NOVELA INDEFINIDA

O deputado federal Marcelo Nilo (PSB-BA) poderá não seguir a orientação do seu partido para apoiar a candidatura a governador de Jaques Wagner (PT). Seu genro, o deputado estadual Marcelinho Veiga (PSB), disse que possíveis negociações de Nilo com o grupo de ACM Neto (DEM/UB) não envolvem o PSB. Em entrevista ao Isso É Bahia, da rádio A Tarde FM, Marcelinho disse ainda que está feliz no partido e que faz parte da base aliada, formada pelo governo do PT, mas que não tomará nenhuma decisão em desacordo com o sogro. Esperemos os próximos capítulos.

‘TRAGÉDIA MORAL’

A Operação Faroeste respingou  na posse da nova mesa diretora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) na última sexta-feira. Durante a cerimônia, o novo presidente do da Corte classificou a operação como uma ‘tragédia moral’ e um duro golpe ao Tribunal, que agora busca ‘recuperar a credibilidade’.

E O BRB?

Este é um assunto que, provavelmente, vai assombrar ainda o TJ. Com contrato firmado com o Banco de Brasília, o Tribunal atesta sua relação com uma instituição digna de denúncias e ações controversas. Sejam as ligações do BRB com lojas para realizar pagamento a advogados e até mesmo a condenação de gestores do banco por fraude, resta saber qual decisão será tomada por essa nova mesa diretora. Há de livrar de um problema ou seguir dormindo com o inimigo? 

PROBLEMA ETERNO

A situação do Banco Master vem beirando a decadência e o desespero. Liderando reclamações por parte de seus clientes e na tentativa de manter uma suposta imagem voltada para a Cidadania, o percurso até ROMA segue impossível e o Carrasco pergunta: até quando irá essa peregrinação? Perguntar não ofende. 

PF EM JACUÍPE

Tamanha é a audácia de um certo administrador que tenta emplacar, de forma ilegal e a todo custo, uma construção em Barra do Jacuípe, na Orla de Camaçari. Já sob os olhares e a perícia da Polícia Federal, o Condomínio Guarajuba Garden está sendo construído livre, leve, solto e numa velocidade inigualável. Tudo com base numa empresa fantasma e certidões falsas. Este Carrasco já detém vasta documentação e iniciou apuração. A situação não ficará impune. 

CAMAÇARI DAS ANTIGAS

Chegam informações e documentos ao Carrasco sobre pré-candidata ao congresso nacional que, muito antes de IR para outro AMBIENTE, e de ser alçada ao status de mulher oficial de Camaçari, já muito frequentava as repartições públicas durante a gestão de seu amado, prestando “consultorias” e “acelerando” alvarás e licenças, em nome de SUTENTAbilidade. O carrasco não se furtará de apurar essas andanças, para trazer a verdade ao eleitor baiano.

FALSA PATERNIDADE

Em ano eleitoral é comum políticos se arvorarem em pai de obras públicas com o intuito de angariar votos. Quando o esforço é conjunto até se admite o esforço. Mas o que tem acontecido em Juazeiro beira o absurdo e a falta de vergonha. No final do ano passado o ministro da infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas anunciou que a duplicação da ponte que liga Juazeiro a Petrolina terá início até abril de 2022. Essa importante obra viária nasceu de postulação do deputado federal Adolfo Viana (PSDB), que joga em parceria com a prefeita de Juazeiro, Suzana Ramos. Depois de todo o esforço do jovem parlamentar atuante naquela região, não é que o vereador Alexandre Aleluia (DEM/UB), da longínqua capital baiana, tenta enrolar a população local e se dizer o pai da criança? Isso deixa de ser cara de pau para virar estelionato eleitoral. “Esse vereador aparece aqui uma vez na vida e acha que somos besta de acreditar que foi ele o responsável pela duplicação da ponte”, teria afirmado um político local a uma fonte desse Carrasco.

BATEU DESESPERO

Depois de tentar, sem sucesso, embargar a licitação do Palácio Rio Branco, promotoras do Ministério Público Estadual partiram para o lado pessoal e o desespero é ululante. Segundo informações obtidas pelo Carrasco, a dupla foi até a sede do Ministério Público Federal pedir “ajudinha” a uma FRENÉTICA procuradora da república, pseudo-defensora do meio ambiente. Num aparente “jogo combinado”, a representante do MPF rapidamente ajuizou uma ação civil pública na Justiça Federal questionando a licitação do Palácio, praticamente com os mesmíssimos argumentos da infrutífera ação que tramita na Justiça Estadual. Segundo especialistas ouvidos, a correria foi tanta que esqueceram até de incluir o que a lei chama de “litisconsórcio passivo necessário”. Além disso, ao repetir os fundamentos outrora utilizados anteriormente e apenas incluir o IPHAN como réu da nova demanda contra o Estado da Bahia, o MPF faz uma manjada jogada para obter a competência da Justiça Federal. Já se comenta que vai rolar representação no Conselho Nacional do Ministério Público e em tempos atuais é bom essas meninas ficarem espertas e com olhos bem abertos, afinal de contas o trio formado poderá se juntar a uma outra ex-chefona do MP baiano, já investigada pelo CNMP, mas isso é coisa para tratarmos depois.

ENQUADRADA

A enquadrada da semana vai para o prefeito de Jacobina. Nesse final de semana postou em suas redes sociais uma foto sua com o semblante enfezado, usando chapéu de coronel e uma camisa dizendo acintosamente “respeite a minha história”. Que história Tiago? Eleito com o discurso de representar “o novo” e com promessas de um jeito diferente de governar, Tiago Dias (PC do B), o prefeito que se notabilizou por ter ido tomar posse montado num boi e vestido de vaqueiro, ainda não disse a que veio. Tem uma administração pífia e toca a gestão de forma jocosa, esbravejando aos quartos cantos que será presidente da república. Pelo andar da carruagem, ou melhor, da boiada, daqui a três anos entregará a prefeitura para oposição e a história que lhe restará será a da chacota do menino sonhador. Nada a respeitar, senhor prefeito!

Publicações relacionadas