O Carrasco - Grilagem Pública

Publicado domingo, 13 de março de 2022 às 23:00 h | Atualizado em 13/03/2022, 18:45 | Autor: Da Redação
Os bastidores do poder baiano passam por aqui
Os bastidores do poder baiano passam por aqui -

ASSUNTO DA SEMANA

O aumento no preço do combustível tomou conta da vida dos baianos de forma ainda mais agressiva na última semana. Como um rolo compressor, os números não param de aumentar e atropelam o bom senso, o respeito e os direitos do consumidor. Agora, além da esperteza recorrente das Distribuidoras, estas e os donos dos postos decidiram aumentar também o preço do Álcool. O Estado em que a gasolina mais subiu foi a Bahia, com elevação de 9,89% apenas nesta semana, para R$ 7,691 o litro. Já o etanol subiu 1,7% nos postos baianos, para R$ 5,47 o litro. Mas, fontes do Carrasco revelaram que os donos de postos estão reclamando das Distribuidoras. Segundo eles, estas impõe os preços e é estão pressionando os revendedores, já furiosos com o momento pelo qual o setor está passando, os empresários se sentem emparedados e muito em breve este Carrasco irá revelar de onde está vindo toda essa pressão. Aguardem!

GRILAGEM PÚBLICA

Por falar em combustíveis, o Carrasco logo se lembra da ACELEN, que também tem colaborado e muito com o abuso no aumento dos preços da gasolina. Essa empresa chegou na Bahia e já tem agido de forma desrespeitosa. Processada pelo Município de Madre de Deus numa ação milionária que tramita na Vara da Fazenda Pública de Salvador - o objeto é uma “bagaceira” ambiental feita pela Petrobras -, a ACELEN revidou com arbitrariedade. Estimulada por sua assessoria jurídica, o grupo Mubadala, em revide, chegou até a invadir logradouros públicos de Madre de Deus, em clara grilagem urbana. Segundo fontes desse Carrasco, a represália feita contra o município tem sido orquestrada pelo seu iniciante diretor jurídico. “Tentamos pacificar a questão fiscal e fomos afrontados por um advogado inexperiente, que vem de fora e acha que na Bahia não tem justiça. A arrogância em pessoa”, confidenciou uma autoridade de Madre de Deus, que pediu anonimato e preferiu não citar o nome desse bacharel em direito (e em falta de educação).

CONCHA ENGANOSA I

Advertida por fazer propaganda enganosa pela segunda vez por autoridades de publicidade holandesas, a Shell volta a ficar exposta vendendo seis por meia dúzia. Querendo pagar de amiga do Meio Ambiente, a Shell afirmava no anúncio  que “tornamos milhões de quilômetros mais limpos”, oferecendo hidrogênio verde para o abastecimento de ônibus, carros e caminhões. Mas hidrogênio verde é enganoso porque se trata de um subproduto da produção de cloro e apesar de possuir certificado como não prejudicial ao meio ambiente, não é o que realmente o consumidor consideraria verde. A velha venda de gato por lebre.

CONCHA ENGANOSA II

E os problemas da Shell não param por aí. Após comprar petróleo e gás com preço baixo da Rússia, a empresa pediu desculpas e decidiu fechar postos de combustíveis e encerrar as negociações no País. Numa reviravolta de dar nó em pingo d'água, a Shell foi condenada pelo ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, depois que concordou em comprar a carga Russa. Agora, está tendo que apagar incêndio em plena guerra.

CINZAS PARA QUEM TE QUERO

Um esquema de tráfico de influência e benefício ao portador está assustando parentes que tentam enterrar seus mortos no Cemitério Campo Santo, que pertence à Santa Casa de Misericórdia. Por lá, a história é uma só: cremação com direito a indicação da funerária. Que o imbróglio já está beneficiando uns, todos já sabem. Lá, o defunto mal bota o pé na cova e já recebe assessoria para garantir a passagem perfeita. Coisas de um campo nada santo. 

ALERTA NA SAÚDE

Após a morte precoce da cantora Paulinha Abelha, muitos questionamentos estão sendo levantados sobre o uso indiscriminado de medicamentos e os tratamentos ortomoleculares. Pagando de deuses do corpo perfeito, protótipos de médicos usam e abusam da falta de informação e da boa fé de seus pacientes. Agora, com a polêmica sobre as consequências destes tratamentos, tais profissionais se vêem encurralados, não mais podendo se esconder em suas redes sociais, onde aparecem sempre mostrando uma vida de luxo, carrões, roupas de grife, relógios caríssimos, e uma realidade paralela. Na vida real, ceifam vidas como se lavassem as mãos. 

A COLHEITA

E não é que aquele ditado sobre colher o que se planta se fez valer para José Carlos Araújo. Após anunciar sua saída do PL, o ex-presidente do partido se viu agora entrando no esquecimento. Por recomendação do MP, que defende o princípio da impessoalidade na gestão pública, o político teve o nome retirado da maternidade na cidade de Bonito. Por lá, o legado foi pouco e sendo assim, melhor nem deixar lembrança para as próximas gerações. 

EXEMPLO A SER SEGUIDO

Com o combustível batendo nas alturas, têm secretários em São Paulo indo para as ruas para  acompanhar as fiscalizações realizadas pelo Procon e Polícia Civil nos postos, para evitar que os consumidores sejam enganados. Mas infelizmente por aqui ninguém se mexe. Seria oportuno se certos secretários de Estado e municípios fizessem o mesmo. Vamos aguardar. Vai que rola.

APRESSADINHOS

Tem prefeitura na Bahia já conversando com alguns empresários do ramo da música, inclusive já com algumas possíveis "amarras" de contratos com bandas para o São João deste ano. No Recôncavo, por exemplo, tem prefeito animadinho, mesmo com valores altos de precatórios bloqueados. É bom ter paciência e esperar mais um pouco para firmar compromisso, pois a pandemia não acabou e tem muito dossiê de que pode ser revelado em breve e complicar ainda mais a situação de alguns gestores. Aguardem!

INÉRCIA

O que está faltando para a prefeitura de Rio do Antônio, sudoeste baiano, ratear os recursos do Fundeb, assim como foi feito em diversos municípios da região? Professores afirmam que a atual administração ainda não fez o depósito nas contas dos servidores. Soubemos ainda que o prefeito Gerson Martins (PP) também não pagou o abono salarial do PIS/Pasep. Por lá, os problemas na Educação estão dando o que falar.

DONA DA FAKE NEWS

Os professores de Vitória da Conquista têm desmentido a prefeita Sheila Lemos (União Brasil), que de acordo com eles, anda divulgando informações falsas. A categoria cobra a aplicação do reajuste de 33,24% anunciado pela gestão no último dia 12 de fevereiro e que ainda não foi aplicado. Curioso é que só os professores recém-chegados receberam o prometido reajuste. A classe antiga está "a ver navios". 

AS CAIXAS DE BRITTO

A curiosidade deste Carrasco é grande para saber o que tinha nas 20 caixas levadas pelo secretário de saúde de Feira de Santana, Marcelo Britto, à Câmara Municipal, onde iria prestar esclarecimentos na CPI da Saúde. Comenta-se nos bastidores que eram documentos oficiais do Executivo, encaminhados ao Legislativo. Informação que o próprio secretário confirmou. Alguns falam que foi uma espécie de deboche. Será?

FARRA DA 1ª DAMA

Agora tudo é motivo de festa e alarde por parte da Prefeitura de Ilhéus. Até uma escadaria reformada com recursos do Governo Federal foi gatilho para uma tremenda inauguração. Seria uma prévia de campanha da primeira-dama, Soane Galvão, pré-candidata à deputada estadual? Vamos esperar qual a próxima atração para, quem sabe, outra grande festa onde o povo não sai ganhando!

VERMELHOS X AZUIS

O vereador Suíca (PT) deixou evidentes as tensões entre petistas e os aliados "azuis" - como são chamados por Wagner antigos integrantes do carlismo e de legendas fora da esquerda. Em recente plenária do PT, Suíca não citou nomes, mas apontou a existência de um "grupo chantagista" na Assembleia Legislativa, de quem o governo dependeria.

“ESSE MENINO”

Integrante do diretório nacional do PT, Ellen Coutinho foi quem melhor resumiu o temor de perder a eleição para ACM Neto, ao dizer que uma "barbeiragem" do partido contribui para a chapa adversária. "Esse menino [ACM Neto] tem menos de 50 anos, vai fazer mais estrago do que o avô", disse.

CORONEL DA TRAIRAGEM

Todos sabem que a semana passada foi quente em Brasilia. Por lá passaram políticos de todos os lados, imbuídos na tentativa de ter o apoio de João Leão (PP) para as eleições de outubro. Do lado dos aliados, a movimentação foi intensa para segurar o Bonitão na base. A oposição se reuniu com a cúpula nacional do PP para oferecer a vaga de senador na chapa. Segundo se apurou, as críticas ao senador Otto Alencar (PSD) foram a temática da aprazível reunião. Numa certa altura da conversa, chamaram Otto de “coronel”, dada a sua postura de intransigência na negociação da chapa adversa. “Esse daí lá na Bahia já é conhecido como o Traíra do rio São Francisco e vai tomar uma surra eleitoral, seja de Leão seja de Marcelo Nilo”, alfinetou um dos presentes. Ninguém conteve as gargalhadas.

SOB ARTILHARIA

A secretária de fazenda de Salvador, Giovanna Victer, foi alvo de denúncias feitas por servidores, que a acusam de assédio moral. Helivaldo Alcântara, coordenador-geral do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps) se manifestou na imprensa baiana, afirmando que “qualquer ofensa ao trabalhador é inaceitável. Pressão por resultados, perseguições, demissões injustificadas e até mesmo prática antissindical. Tudo isso tem sido apontado como sendo oriundo do gabinete da Sefaz”. O prefeito Bruno Reis (UB) disse desconhecer os fatos, mas prometeu uma apuração sobre a conduta de Victer, que pelo menos no trato com a imprensa e com o empresariado, sempre foi bastante harmonioso. Esse Carrasco desconfia que se algo de errado está acontecendo na SEFAZ, deve ser em virtude do segundo escalão. Uma fonte que saiu em defesa de Giovanna disse que “a culpa é que muitos servidores da Fazenda são preguiçosos e estão mal acostumados. Não batem um prego no mamão”. Ainda segundo apurou esse Carrasco, a coisa sujou para o subsecretário, uma verdadeira mobília deixada pelo ex-secretário Paulo Souto.

SOCIALISTA RESISTENTE

Com o possível desembarque do PP da base do PT na Bahia, o partido procura opções para vice na chapa majoritária, caso a ruptura ocorra. Um dos nomes fortes é da deputada Lídice da Mata (PSB), que, ao que tudo indica, tem resistido à ideia, querendo, ao invés disso, reeleger-se deputada federal. Petistas, no entanto, afirmam que irão tentar convencer a socialista a aceitar o convite.

ELE DE NOVO

José Ubiratan Cardoso Matos, diretor do interior da Embasa, prossegue abrindo precedentes no mínimo estranhos, malgrado as denúncias feitas aqui no Carrasco. Uma antiga inimiga virou atual queridinha da Embasa, a famosa Tubonews Construção, acusada no meio empresarial por suposta falsificações de guias de tributos federais, a qual foi penalizada e proibida de contratar e licitar com a própria EMBASA. Mesmo com a penalidade aplicada no processo administrativo 3733/2019, a Tubonews conseguiu junto ao diretor do interior, “convencer” os demais diretores e conselheiros, que foram induzidos a erro. Deu no que deu: a homologação da concorrência 107/17, um processo licitatório que já se encontrava morto e ressurgiu das cinzas, tudo para tentar acabar diversos embates no MP e no TJBA em desfavor da famigerada diretoria do interior. Notícias fresquinhas sobre a Tubonews Construção comprovam que ela teria se sagrado “vencedora” de um contrato de mais de 23 milhões de reais, passando-se, então, de inimiga à amiga da empresa de águas. Em breve mais novidades.

ENQUADRADA

Surpresa!!! Não é que o Ministério Público tomou mais uma enquadrada? Calma, porque não foi o da Bahia não. A bola da vez foi o MPF que conduziu a ação penal ajuizada contra o ex-senador e atual deputado federal Aécio Neves (PSDB). O puxão de orelha veio do juiz federal Ali Mazloum, que na sua decisão acusou duramente o MPF. “Ao que tudo indica, AÉCIO, na realidade, foi apenas o protagonista inconsciente de uma comédia. A mesma independência funcional exigida aos membros do Ministério Público é também atributo inalienável dos membros do Congresso Nacional. De outro modo, estariam abertas as portas para a criminalização da política, para o maniqueísmo desenfreado, como parece ser o caso desta acusação”, registrou o juiz Mazloum. Realmente esse “maniqueísmo desenfreado” do Ministério Público será destruído, basta coragem.

Publicações relacionadas