O Carrasco - Notícia da semana

Galera das redes sociais foi ao delírio depois que o Carrasco enquadrou um pré-candidatinho a governador

Publicado domingo, 24 de abril de 2022 às 16:45 h | Atualizado em 24/04/2022, 18:31 | Autor: Da Redação
Os bastidores da política baiana passam por aqui
Os bastidores da política baiana passam por aqui -

NOTÍCIA DA SEMANA

Depois que o Carrasco enquadrou um pré-candidatinho a governador, a galera das redes sociais foi ao delírio. Petistas e bolsonaristas se animaram com o dossiê dos malfeitos transnacionais e dispararam a hashtag “euseioquevocesfizeramnoveraopassado”. 

DOWN, DOWN, DOWN THE HIGH SOCIETY

As pesquisas de consumo interno começaram a indicar a fragorosa derrota de um pré-candidato a governador e o mesmo já tem as manhãs das sextas-feiras ociosas. Acorda cedinho com a pena dourada herdade de “voinho” numa mão e o IPhone dado por “mainha” na outra. Tem vivido a chorar que a imprensa baiana fechou as portas a pedido de um ser humano poderoso. “Alô alô marciano. A crise tá virando zona. Cada um por si. Todo mundo na LONA” é a música que o nanico não para de ouvir nas suas viagens de campanha. Melhor ir se acostumando, pois é certo que “o ser humano está na maior fissura”.

INJUSTA CENSURA

Que o protótipo de soberano sempre usou do chicote para impor suas vontades isso nunca foi novidade. Seu sobrenome é malvadeza. Mas usar do Judiciário para calar quem vai a público dizer a verdade sobre pesquisas internas são outros quinhentos. Errou quem falou que o nanico está em terceiro colocado apenas no Extremo Sul. Na verdade, ele só venceria hoje em Feira de Santana. Nunca duvidem do que o Carrasco escreve, afinal de contas “saiu no A Tarde é verdade”.

EUFORIA DEPRESSIVA

Um vereador de Salvador, detentor de famoso topete aveludado, anda por um triz de tanta pressão que tem tomado de seu chefe Soberano. O garotão, verdadeiro “yellow boy” na política, tem se aproveitado da prescrição médica para tratamento de sua depressão e so consegue sair da cama à base de bolinhas da alegria. Seriam 100mg de lisdexanfetamina ao acordar e mais 100mg antes do sol se pôr. Em recente pronunciamento no Plenário Cosme de Farias, ficou visível que o noviço parlamentar estava inteiramente aditivado, numa falsa euforia que se revezava com ar de extrema preocupação e desespero. Não demora a correr para debaixo da asa de seu “papai”, que pouco poderá ajudar com a ortopedia. O protótipo de soberano teria indicado um famoso psiquiatra no bairro da Graça.

RESVALANDO FARPAS NO LOIRE

O mesmo vereador Yellow Boy anda despertando preocupação na sua família. Ao atirar de forma baixa, cretina e desordeira contra os opositores, teria chamado para si e para os seus, os holofotes da polícia. E como nesse jogo a reação para golpe baixo é feita na mesma moeda, as atividades “financeiras” de seu sogro começam a ser olhadas com lupa especial, afinal de contas agiotagem é delito e de competência da justiça comum. Na Bahia o crime de colarinho branco nunca teve vez. 

EDIL XING LING

Dizem que produto chinês é falsificado. O Carrasco custa a acreditar. Quem nasce na Bahia é baiano e não bahiense. BAHIENSE é o falso cidadão que nasce na Bahia e não é baiano. Se traiu seu local de NASCIMENTO era esperada a nova traição, mas não tão rápido. Fez amigo se mexer no túmulo. Engabelado pelo protótipo de Soberano, o vereador xing ling vai terminar perdendo a LIBERDADE em 2024 caso não se recomponha a tempo. E o tempo é o senhor da razão. Será que quem tudo te promete hoje vai ao menos te atender na próxima eleição? 

QUALQUER SEMELHANÇA É MERA COINCIDENCIA

Imagem ilustrativa da imagem O Carrasco - Notícia da semana
 

Todo cidadão que quer ter sucesso, tem que ter TINO para alguma coisa. Político tem de ter tino para política e palhaço tem de ter tino para palhaçada. Em Salvador tem vereador que contraria essa regra. Tem TINO, mas seu TINO é completamente ÔCO. O papelão que tem feito, afora a identidade física, faz lembrar o personagem Cascatinha. Perigo é transformar o conflito entre os poderes de suave e contornável em algo gravíssimo e irremediável.

COISA ESTRANHA NO AR

O Carrasco está atento à duas ou três pesquisas que serão divulgadas essa semana. A atenção repousa em uma situação atípica para a realidade. Primeiro, a Paraná Pesquisas requereu registro de um levantamento, que por conter vícios, foi suspenso pelo TRE a pedido do PSOL. Dia 19 requereu um segundo registro (06739/22), dessa vez ela própria sendo a contratante, o que também causou certa estranheza e já foi novamente impugnada pelo PSOL. Dia 22, a mesma Paraná Pesquisas, segundo consta da pagina do TRE na internet, requereu mais dois registros (00427/22 e 00800/22) onde ela própria é contratante. No mesmo dia 22 o site Informe Baiano requereu registro de pesquisa em que contratou a Seculus Consultoria. Contando com a que foi suspensa depois de feito o levantamento em campo, temos um número de quase dez mil pessoas ouvidas, se é que essas cinco pesquisas forem efetivamente realizadas. Esses episódios atípicos já fazem que a sociedade olhe atravessada para os resultados que virão a público. Não é porque uma pesquisa é registrada que ela é sempre bem feita. Mas vamos aguardar para ver se elas batem com as de consumo interno que A Tarde tem em mãos. 

OLHA A CHUVA I

O prefeito Bruno Reis enfrentou seu 'momento chuva' em Salvador. Com direito a deslizamentos e desabrigados, as ruas que a oposição apelidou de “asfalto sonrisal” tem exposto a gestão do democrata, antes navegando em águas tranquilas. Agora, com vias alagadas, gente perdendo casas e caos instalado, a Prefeitura começa a pedir pra todos os Santos que pare de chover. As chuvas também atingiram o bairro de São Cristóvão. Por lá, a população perguntava sobre o paradeiro do vereador Duda Sanches, já que era a "hora do apoio" no difícil momento. Pois é, tomou Doril! Há quem diga que as bases no Palácio Thomé de Souza tremem quando a chuva cai e que se o 'cacau' continuar caindo vai entrar água nos planos de quem perambula por lá. 

OLHA A CHUVA II

Outra que já está quase se afogando é a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho. A população já não tolera o descaso e os prejuízos causados pela chuva numa cidade cuja gestão não a prepara para os dias sem sol. Na última frente fria, passageiros de um ônibus tiveram que ser resgatados de barco, enquanto motoristas não sabiam se abandonavam os carros na Luís Tarquinio para sair nadando por uma das principais avenidas do município. 

DOBRADINHA À VISTA

A última de Brasília que chega a este Carrasco é a preocupação de certos deputados da bancada baiana do UB que apoiam o Governo Federal. Por instinto de sobrevivência, eles acham que ACM Neto vai despencar sem Bolsonaro e que o melhor será acomodá-lo como vice na chapa do Presidente Bolsonaro ou vice na chapa de João Roma a governador. Isso iria impôr dificuldades à chapa Jerônimo/Geraldinho, que decola sem obstáculo. A questão é quem vai ser o mensageiro que vai propor a Neto esta dobradinha. Pensou-se num sorteio entre os deputados. Outra alternativa seria botar Elinaldo pra mediar. 

CABRESTO 

Um politico antigo do então DEMOCRATAS anda a dizer que vai pagar pra ver quanto tempo durará a lua de mel entre Marcelo Nilo e ACM Neto. Conhecedor do temperamento de Neto - a quem ele acha ser pior que o do avô, somado ao jeito raivoso de Nilo, que não está acostumado com esporro. Nilo quando for contrariado pode ter que provar do próprio veneno que andava a destilar nos últimos anos: “Carlista não pensa, obedece”.

PARCERIA CRUZADA

Enquanto Salvador sofre com as chuvas, transtornos e desabrigados, um certo vereador com DNA dos que não pensam e sim dos que só obedecem, segundo Nilo, anda dando o que falar. Este vereador é do tipo de quem nunca pisou na lama, mas é tirado a entender de Cultura e Turismo, além de ser fã da dupla Tonico e Tinoco. Foi o mesmo que esqueceu do povo que sofre nas periferias e partiu na tentativa de ludibriar o MP com assuntos internos da Câmara. Mas o que já se sabe são os muitos interesses do enganador numa outra importante cidade. Não vai tardar a voltar ao MP, desta vez intimamente acompanhado para responder sobre PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS e CONCESSÕES.

UM CUMPRE, OUTRO NÃO

O Carrasco quer saber o porquê dos atrasos nos salários dos funcionários da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), em Caetité, sudoeste baiano, já que os repasses do governo do Estado são feitos à Fundação Terra Mãe, que gerencia a unidade. Talvez a coisa tivesse melhor se a Prefeitura de Caetité não acumulasse oito meses de atrasos no repasse da verba. Ou seja, governos federal e estadual cumprem e a prefeitura local atrasa. Fica difícil!

VIROU MODA

Mais uma Câmara Municipal baiana  aprovou o pagamento do 13ª salário para vereadores. Desta vez, quem seguiu a moda foi a Casa Legislativa de Palmas de Monte Alto, sudoeste da Bahia. A aprovação vai implicar em uma despesa de quase R$ 84 mil aos cofres públicos. Atualmente o salário de vereador na cidade é de R$ 7.596,67. Nada mal!

CLIMA DE MEDO

O clima que a secretária Giovanna Victer causa entre os fazendários de Salvador é de medo, segundo fontes ouvidas pelo Carrasco. Só isso para explicar o silêncio da maior parte da categoria em relação à escorcha que a prefeitura vem promovendo há tempos contra o contribuinte soteropolitano. Se não bastasse o IPTU, a bola da vez agora é o ITIV, onde a SEFAZ reluta em cumprir as regras impostas pelo Superior Tribunal de Justiça. Para o STJ o ITIV tem de ser cobrado com base no valor da escritura. Já a prefeitura, por mais absurdo que pareça, continua cobrando com base nos altíssimos valores venais.

CHUMBO TROCADO

Os pré-candidatos do PT e do União Brasil ao governo do Estado, Jerônimo Rodrigues e ACM Neto, respectivamente, têm aumentado o tom nas críticas que fazem um ao outro sempre que podem, em entrevistas, em discursos ou em comentários nas redes sociais. Eles parecem esquecer, até o momento, do pré-candidato do PL ao Palácio de Ondina, o ex-ministro da Cidadania João Roma. Roma, como todos sabem, tem o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL). E, desde a redemocratização, a polarização nacional tem reflexo direto com os governadores eleitos na Bahia.  Se Jerônimo é apoiado por Lula (PT) e Roma tem o apoio bolsonarista, o que sobra para Neto, já que a Terceira Via teme em não querer decolar?

ENQUADRADA

A enquadrada da semana vai para o União Brasil na Câmara de Vereadores de Salvador. Antes mesmo de aguardar a formação proporcional das 13 comissões do parlamento, o UB partiu para cima das comissões de “Constituição e Justiça” e “Finanças e Orçamento”. Ficou feia essa sede desproporcional com as duas comissões, deixando de lado outras tão importantes como a de “Defesa da Mulher”, “Assistência Social e Pessoas com Deficiência” e “Saúde e Planejamento Familiar”, dentre outras. Vale frisar que o UB deveria lutar pela Comissão de Reparação, cujo tema foi o que recebeu mais atenção do partido no âmbito municipal. Vale a pena assistir o trecho da entrevista onde o vereador Alexandre Aleluia fala sobre o assunto com o apresentador Chico Kertész da Metrópole FM.

Publicações relacionadas