adblock ativo

Farmacêutica desiste de realizar estudo clínico da Sputnik V no Brasil

Publicado sexta-feira, 21 de maio de 2021 às 08:39 h | Atualizado em 21/05/2021, 08:40 | Autor: Redação
De acordo com a Anvisa, o pedido de desistência foi encaminhado após a empresa não apresentar todas as exigências para conduzir os testes em um período de 120 dias
De acordo com a Anvisa, o pedido de desistência foi encaminhado após a empresa não apresentar todas as exigências para conduzir os testes em um período de 120 dias -
adblock ativo

A farmacêutica União Química desistiu de realizar estudos clínicos e testes da vacina russa Sputnik V. O pedido foi encaminhado para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no dia 4 de maio, e publicado em edição do Diário Oficial na quinta-feira, 20.

De acordo com a Anvisa, o pedido de desistência foi encaminhado após a empresa não apresentar todas as exigências para conduzir os testes em um período de 120 dias, como exigido pela agência reguladora, e o processo não afeta o pedido de uso emergencial da Sputnik V no País.

No início do mês de maio, o primeiro lote do imunizante a ser produzido no Brasil foi finalizado. As 100 mil doses serão exportadas para países da América do Sul, já que o uso não foi autorizado em território nacional.

adblock ativo

Publicações relacionadas