Pfizer terá dados sobre eficácia da vacina contra nova variante em duas semanas

Publicado sexta-feira, 26 de novembro de 2021 às 09:45 h | Atualizado em 26/11/2021, 09:49 | Autor: Da Redação

O laboratório alemão BioNTech, sócio da Pfizer, espera ter no mais tardar em duas semanas os primeiros resultados dos estudos que determinarão se a nova variante de covid-19 detectada na África do Sul é capaz de escapar da proteção da vacina.

>> Nova variante do coronavírus tem maior número de mutações; OMS acompanha

"Iniciamos de maneira imediata estudos sobre a variante B.1.1.529, que difere claramente das variantes já conhecidas porque tem mutações adicionais na proteína spike característica do vírus Sars-Cov-2", afirmou um porta-voz do laboratório à AFP.

"Pfizer y BioNTech se prepararam há vários meses para ajustar sua vacina em menos de seis semanas e entregar as primeiras doses em 100 dias no caso de uma variante resistente", completou.

Publicações relacionadas