adblock ativo

Clarinetista Tony Scott morre em Roma aos 85 anos

Publicado sábado, 31 de março de 2007 às 16:31 h | Atualizado em 31/03/2007, 16:31 | Autor: Agencia Estado
adblock ativo

O músico de jazz Tony Scott, clarinetista, compositor e arranjador que trabalhou com gigantes como Billie Holiday e Charlie Parker, morreu em Roma aos 85 anos. Scott faleceu na cidade em que morava havia décadas, segundo comunicado da House of Jazz. A causa da morte é desconhecida.

"Sua morte entristece o público de jazz no mundo todo", diz a nota. O jornal Il Messaggero, de Roma, disse que ele era "um autêntico músico" com uma paixão por jazz. Scott, que também tocava saxofone, trabalhou com os maiores jazzistas por décadas, em vários continentes. Ele tocou com Dizzy Gillespie e Duke Ellington e trabalhou com cantores como Sarah Vaughan e Harry Belafonte.

Scott nasceu Anthony Joseph Sciacca em Morristown, Nova Jersey, de uma família de origem italiana. Desde o fim dos anos 1950, viajou intensivamente e foi dos primeiros músicos de jazz a misturar o gênero com outras influências musicais. Suas viagens o levaram à Europa, África e Oriente.

adblock ativo

Publicações relacionadas