Exposição em Salvador homenageia o artista italiano Leonardo da Vinci

Publicado quarta-feira, 28 de agosto de 2019 às 20:13 h | Atualizado em 28/08/2019, 20:14 | Autor: Da Redação | Foto: Elói Corrêa | GOVBA

Em cartaz até o dia 29 de setembro, a exposição ‘O Gênio dos Gênios’ presta homenagem ao artista plástico e cientista que é considerado um dos marcos da história da humanidade, o italiano Leonardo da Vinci. A exposição leva ao Palacete das Artes, no bairro da Graça, em Salvador, 60 réplicas das obras de Leonardo, construídas pelo engenheiro Thales de Azevedo Filho.

Segundo a Secretaria de Comunicação do Estado (Secom), a mostra é uma oportunidade de conhecer a trajetória de Da Vinci a partir de suas pinturas, incluindo “Mona Lisa” e “A Última Ceia”, além de invenções como as diversas criações náuticas, as máquinas de guerra (como o canhão e a catapulta), os instrumentos de aviação (como a asa delta, o helicóptero e o paraquedas), entre outras invenções que marcaram a história da arte, da ciência e da tecnologia.

"Eu levei 12 anos fazendo isso porque eu tinha visitado várias exposições do Leonardo pelo mundo todo e observava que algumas peças não tinham sido construídas, a exemplo do anemômetro de cubos cônicos, um testador de resistência de fios, etc. Eu me encantei pela originalidade das peças e pela atualidade delas. Leonardo está vivo. O avião está aí, o stand-up, a boia de salva-vidas, o escafandro e tanta coisa que ele fez que está na atualidade e foi um grande legado que ele deixou", afirma Thales de Azevedo Filho.

A entrada para a exposição é gratuita e está disponível de terça a sexta-feira, das 13h às 19h. Aos sábados, domingos e feriados, o Palacete das Artes abre das 14h às 18h.

Publicações relacionadas