Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > cultura > LITERATURA
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
28/04/2024 às 22:27 • Atualizada em 29/04/2024 às 0:30 - há XX semanas | Autor: Edvaldo Sales

Escritoras baianas apostam no romance e fazem sucesso na Bienal

Evento reúne diversos escritores que vão lá divulgar e vender suas obras

Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista
Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista -

A Bienal do Livro Bahia, que acontece entre os dias 26 de maio e 1º de abril, no Centro de Convenções Salvador, é também palco para escritores baianos divulgarem o seu trabalho. Sabendo disso, Luana Minho Rabelo, 24 anos, e Stefanie Cabanelas, 26 anos, ambas soteropolitanas e jornalistas, aproveitaram a oportunidade para expor e vender suas obras.

>>> Influencers de livros celebram impacto de seus conteúdos nos jovens

Luana, que já lançou dois livros, “O Último Primeiro Amor” e o mais recente “Entre Sempre e Nunca”, ambos ambientados na capital baiana, celebrou em entrevista ao Portal A TARDE o fato de a literatura ter espaço para todo mundo e falou sobre a importância de regionalizar as histórias.

“As pessoas têm que contar histórias que fazem o coração delas bater mais forte. No meu caso, quando eu era adolescente queria ler alguma coisa sobre fofoca dos meus amigos, da minha escola e não tinha porque só tinham livros que se passavam no Rio, São Paulo e Estados Unidos. Aí eu decidi escrever o meu”, contou.

E tem sido legal acompanhar as pessoas se ientificando. Por exemplo, sabe aquelas festas de prédio, que você vai quando é adolescente? Eu nunca li um livro que tivesse isso, mas os meus têm porque eu ia nessas festas e eu escrevia sobre o que eu via.

Luana Minho Rabelo - escritora e jornalista
Livros lançados por  Luana Minho Rabelo
Livros lançados por Luana Minho Rabelo | Foto: Edvaldo Sales | Ag. A TARDE

Luana define o seu primeiro livro como um “Romeu e Julieta que se passa em Salvador”. Já “Entre Sempre e Nunca” tem elementos de realismo mágico, referências à mitologia egípcia e tem viagem no tempo, mas, no final das contas, segundo a autora, é um livro sobre Salvador, com um casal “que se bate no meio do shopping, briga no estacionamento do shopping e vai no karaokê do Rio Vermelho”. Ela completa: “É uma história que dá para você se reconhecer nela”.

Já Stefanie Cabanelas decidiu colocar os seus personagens em um cenário diferente: Coreia do Sul. O seu primeiro livro, “Dia de Primavera”, já teve mais de 300 cópias vendidas na internet e mais da metade do estoque reservado para a Bienal já foi comprado.

Ao Portal, a escritora detalhou como criou surgiu a ideia de escrever um livro. “Eu faço parte do fandom de BTS, que é o grupo de kpop mais famoso da atualidade. A minha inspiração surgiu do BTS. Foi uma brincadeira que surgiu comigo e minha irmã, que eu fiquei pensando ‘imagine se eu conhecesse o J-Hope do BTS antes dele se tornar famoso?’. Aí nisso a gente começou a fazer uma história assim, brincando, e eu fiquei tão apaixonada pela ideia que eu transformei isso em um livro”, contou.

Stefanie Cabanelas é a autora de “Dia de Primavera”
Stefanie Cabanelas é a autora de “Dia de Primavera” | Foto: Edvaldo Sales | Ag. A TARDE

Apaixonada pela cultura coreana, Cabanelas disse ainda que, para ela, a “inspiração para escrever foi um conjunto de coisas que combinam com as coisas que eu gosto de fazer por naturalidade”.

“Dia de Primavera” foi lançado em fevereiro
“Dia de Primavera” foi lançado em fevereiro | Foto: Edvaldo Sales | Ag. A TARDE

Assuntos relacionados

Bienal do Livro Bahia escritores baianos Kpop literatura regional realismo mágico romance contemporâneo

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

Bienal do Livro Bahia escritores baianos Kpop literatura regional realismo mágico romance contemporâneo

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

Bienal do Livro Bahia escritores baianos Kpop literatura regional realismo mágico romance contemporâneo

Publicações Relacionadas

A tarde play
Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista
Play

“Flica é a mãe de todas as feiras literárias da Bahia”, diz curador

Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista
Play

Programação da Flipelô

Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista
Play

Felica: festa literária começa neste domingo de forma online e gratuita

Luana Minho Rabelo é escritora e jornalista
Play

Festa Literária da Caramurê aborda o livro como instrumento de transformação

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA