Instituto promove debate sobre culturas do Recôncavo

Publicado segunda-feira, 14 de junho de 2021 às 15:35 h | Atualizado em 14/06/2021, 15:53 | Autor: Da Redação

Com as atenções culturais voltadas para as práticas e rotinas do interior, o Instituto Popular do Recôncavo (IPR) realiza o 'Culturas do Recôncavo', nos próximos dias 15 e 16 de junho, às 20h. O projeto tem o objetivo de debater temas trazendo agentes culturais e estudiosos sobre a sustentabilidade do Território Baiano, entendendo-a como estruturante do desenvolvimento local.

Os dois dias do evento vão ser transmitidos ao vivo, no canal do YouTube do IPR, que fortalece expressões artísticas locais, a partir do cuidado dos bens simbólicos e materiais, assim como promove reflexão sobre as influências que formam a diversidade cultural do território.

A doutora em Antropologia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Fátima Tavares, e o doutor em Solos pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e professor titular da Universidade Federal do Recôncavo (UFRB), Paulo Gabriel, são os convidados da primeira mesa, 'As Diversas Culturas do Recôncavo'. Eles vão dialogar sobre as referências nos costumes gastronômicos, religiosos e festivos.

Na segunda noite, o evento traz o tema 'Culturas do Recôncavo e o Turismo' e debate as vivências de gestores culturais que entendem a importância do fortalecimento das narrativas locais.

O diretor do Centro de Culturas Populares e Identitárias da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (CCPI), André Reis, e a jornalista, produtora de eventos e quilombola do Koange, Andreza Viana, debaterão a visibilidade da cultura popular do território, permitindo um olhar enaltecedor sobre as experiências turísticas do Recôncavo. Ambas as mesas serão mediadas pela Doutora em Antropologia (UFBA) Cleidiana Ramos.

De acordo com o presidente do Instituto, Luan Peres, o projeto 'Culturas do Recôncavo' refere-se à expressões artísticas, que buscam manter os saberes, as diversas formas de viver e se relacionar com o a ambiente social, político e econômico”.

Publicações relacionadas