Morre James Caan, o Sonny Corleone de "O poderoso chefão"

Ator tinha 82 anos e teve a morte confirmada pela família no Twitter

Publicado quinta-feira, 07 de julho de 2022 às 15:09 h | Atualizado em 07/07/2022, 15:09 | Autor: Da Redação
James Caan morreu aos 82 anos de causas não conhecidas.
James Caan morreu aos 82 anos de causas não conhecidas. -

O ator James Caan, 82 anos, morreu na  noite de quarta-feira. A informação foi postada pela família no Twitter oficial de Caan. A causa da morte não foi revelada e os autores do post pediram a todos que respeitassem a privacidade da família neste momento difícil.

James Caan se tornou conhecido por interpretar Sonny Corleone no clássico O Poderoso Chefão, atuação que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de melhor ator coadjuvante. O ator começou a carreira nos anos 1960, no teatro e na TV. A parceria com o diretor Francis Ford Coppola começou em Caminhos Mal Traçados (1969), e se estendeu para o personagem de Sonny no clássico de 1972.

Originalmente, Caan havia sido escalado para interpretar Michael, papel que acabou indo para Al Pacino. Tanto o ator quanto o diretor Coppola brigaram pela troca, acreditando que os talentos de Caan seviriam melhor ao outro personagem.

Além de O Poderoso Chefão, o ator nova-iorquino apareceu em outros filmes marcantes, como Rollerball: Os Gladiadores do Futuro (1975), Uma Ponte Longe Demais (1977), Profissão: Ladrão (1981) e Louca Obsessão (1990), onde interpretou o escritor sequestrado por uma fã (Katy Bates) enlouquecida.

Nas décadas seguintes da carreira, destaque para Queima de Arquivo (1998), Dogville (2003), Um Duende em Nova York (2003) e Agente 86 (2008), além da série Las Vegas (2003-2007), onde viveu o chefe de segurança de um cassino problemático.

Caan foi casado quatro vezes e teve cinco filhos, entre eles o ator Scott Caan (Havaí Cinco-0).

Publicações relacionadas