Proibida de entrar nos EUA, Gretchen enviará carta de perdão a Joe Biden

Publicado quarta-feira, 08 de setembro de 2021 às 15:35 h | Atualizado em 08/09/2021, 16:20 | Autor: Da Redação

A cantora Gretchen revelou que vai enviar  carta com uma cartão ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pedindo a revogação do cancelamento do seu visto.

Desde 2012, quando viralizaram informações de que a cantora estava trabalhando ilegalmente em uma lanchonete no país, ela teve o visto cancelada e, desde então, está proibida de entrar no país.

"Agora que o presidente de lá mudou e é o Joe Biden, quero tentar reverter essa situação", disse Gretchen, em entrevista à Quem, referindo-se ao cancelamento definitivo do seu visto.

Gretchen disse que vai reunir comprovantes de que não tem intenção de trabalhar na América do Norte.

"Agora estou tentando fazer uma carta de perdão com este novo presidente, comprovando minha carreira de cantora, como artista. Até porque não fiz nada de errado e sei de casos de pessoas que fizeram até coisas pesadas e conseguem voltar lá", disse.

"Não sei porque o meu caso deu nisso. Espero que eu possa voltar a passear lá e fazer shows. Não tenho intenção nenhuma de morar lá mais. Até porque sou cidadã europeia", finalizou a cantora.

Ela disse ainda que vai criar uma mobilização nas redes sociais para chamar a atenção de Biden.

"Vamos fazer uma campanha para eu conseguir. Quem sabe não sobem a hashtag #JoeBidenLiberaGretchen no Twitter. Já faz uns 10 anos que aconteceu isso. Mas espero um dia poder voltar a circular lá, como circulo honestamente em todos os lugares do mundo", finalizou a cantora.

Publicações relacionadas