Codevasf lança licitação para estudos de viabilidade do Vale do Iuiú | A TARDE
Atarde > Economia

Codevasf lança licitação para estudos de viabilidade do Vale do Iuiú

Também com o estudo de modelagem de concessão, a contratação é estimada em R$ 5,8 milhões

Publicado sexta-feira, 29 de setembro de 2023 às 16:00 h | Autor: Da Redação

O governo federal lança na próxima terça-feira, 02, a licitação para realizar  estudos de viabilidade e modelagem de concessão do Projeto de Irrigação do Vale do Iuiú, localizado entre os municípios de Malhada e Iuiú, no sudoeste baiano, na região do Médio São Francisco.

O edital trata da elaboração do Estudo de Viabilidade Técnica Econômica e Ambiental e da modelagem jurídica para viabilizar a Parceria Público-Privada (PPP) do empreendimento, que será implantado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

O local, que fica na área de abrangência da 2ª Superintendência Regional da Codevasf, também abrange uma pequena parcela de Sebastião Laranjeiras. A região está situada no extremo sudoeste do polígono das secas.

Segundo estudos preliminares, o local tem potencial de irrigação de 51,7 mil hectares, que mesmo sendo uma região com irregularidade de chuvas, possui solos e outras condições propícias ao desenvolvimento de uma agricultura moderna a partir da captação no rio São Francisco e da malha rodoviária para escoamento da produção. No local, serão cultivados grãos e frutas.

"O Projeto de Irrigação do Vale do Iuiú está em fase de estudos de viabilidade, que permitirão a modelagem de uma Parceria Público-Privada (PPP) para execução das obras de infraestrutura. A região tem solo de boa qualidade, clima favorável e oportunidade de captação de água no rio São Francisco. O empreendimento será responsável pelo surgimento de milhares de empregos diretos e indiretos e pela expansão e diversificação de atividades econômicas no Sudoeste da Bahia", aponta o diretor-presidente da Codevasf, Marcelo Moreira.

A expectativa é de que sejam gerados 160 mil novos empregos diretos e indiretos com a implementação do projeto, que é acessado por estradas secundárias, a partir das cidades de Iuiú e Malhada, as quais estão ligadas à rodovia federal BR-030. 

"Projetos de irrigação têm potencial para desenvolver uma série de segmentos econômicos associados à agricultura irrigada, como insumos agrícolas, logística, treinamento profissional, equipamentos, infraestrutura e serviços. O desenvolvimento desses segmentos beneficia diretamente as comunidades próximas, com crescente demanda por profissionais", acrescenta o diretor.

Produção irrigada

A Codevasf mantém mais de 115 mil hectares de área irrigada na bacia do rio São Francisco, que sustentam quase 300 mil empregos diretos e indiretos. Os projetos de irrigação implantados pela Companhia são concedidos a agricultores que cultivam muitos dos alimentos que chegam diariamente às nossas mesas. Esses projetos produzem mais de quatro milhões de toneladas de itens agrícolas por ano, com valor bruto de produção superior a R$ 4 bilhões

Publicações relacionadas