adblock ativo

Embaixador afegão pede apoio do Brasil na agricultura

Publicado quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 às 19:39 h | Atualizado em 14/01/2010, 19:39 | Autor: Agência Estado
adblock ativo

O Afeganistão pretende obter o apoio do Brasil para desenvolver a agricultura. O objetivo é oferecer alternativas de trabalho aos jovens que são recrutados pela guerrilha do grupo fundamentalista Taleban, segundo disse hoje o embaixador afegão Said Jawad.

O diplomata se reuniu com funcionários da estatal Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) para discutir o envio de técnicos brasileiros que ajudem a aumentar o cultivo de uvas, trigo, romãs e damasco.

"Existe um número grande de jovens que se unem ao Taleban porque lhes prometem o paraíso e lhes pagam bem. Para tirá-los disso, precisamos oferecer emprego. E para isso precisamos desenvolver nossa agricultura", disse Jawad.

O embaixador afegão também se reuniu com funcionários da Agência Brasileira de Promoção à Exportação (Apex) e pediu auxílio para ampliar a venda de produtos afegãos para além dos países vizinhos.

Jawad é embaixador do Afeganistão em Washington, mas exerce a função de representante não presente do país da Ásia Central na Argentina, Brasil, Colômbia e México.

adblock ativo

Publicações relacionadas