adblock ativo

MP antifraudes no INSS não deve ser assinada nesta quinta-feira

Publicado quinta-feira, 17 de janeiro de 2019 às 17:21 h | Atualizado em 19/11/2021, 09:32 | Autor: Daniel Weterman | Estadão Conteúdo
adblock ativo

A medida provisória preparada para combater fraudes em benefícios previdenciários e assistenciais já está na Casa Civil, mas não deve ser assinada nesta quinta-feira, 17, informou a assessoria de imprensa do ministro-chefe da Pasta, Onyx Lorenzoni.

A expectativa, conforme declarações anteriores de Onyx, era de que Bolsonaro assinasse a medida nesta semana, antes de viajar a Davos para o Fórum Econômico Mundial. A Casa Civil não deu mais detalhes sobre a análise da MP.

O texto foi enviado pela equipe econômica e deve promover alguns ajustes atacando fraudes em benefícios. Uma das mudanças, conforme revelado pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, em dezembro, é a implementação de uma carência para que o segurado do INSS receba o auxílio-reclusão, pago a famílias de detentos.

adblock ativo

Publicações relacionadas