adblock ativo

Rússia pode cortar 15% de investimentos em petróleo e gás, se preços não subirem

Publicado sexta-feira, 06 de fevereiro de 2015 às 10:24 h | Atualizado em 19/11/2021, 06:37 | Autor: Estadão Conteúdo
adblock ativo

O ministro da Energia da Rússia, Alexander Novak, afirmou na sexta-feira que cerca de 15% dos investimentos em projetos de petróleo e gás do país podem ser cortados, se os preços da commodity permanecerem no patamar atual.

O comentário foi feito após grandes companhias do segmento, incluindo a OAO Rosneft e a OAO Novatek pedirem ajuda do governo para recuperar buracos em seu orçamento devido ao declínio nos preços do petróleo. Fonte: Dow Jones Newswires.

adblock ativo

Publicações relacionadas