adblock ativo

Salvador tem 5.990 vagas temporárias abertas

Publicado sábado, 23 de outubro de 2010 às 21:13 h | Atualizado em 22/01/2021, 00:00 | Autor: Vanessa Alonso l A TARDE
adblock ativo

O presente que muitos brasileiros pedem todos os anos para o Papai Noel pode chegar agora, muito antes do Natal. O momento é ideal para ir atrás de uma vaga de emprego, uma vez que o comércio começa a se preparar para o aumento das vendas com as festas do final do ano e já contratam trabalhadores temporários.

Só em Salvador 5.990 oportunidades já estão abertas para os interessados. Em todo o Estado, a expectativa é de que sejam preenchidas 17.090 vagas até dezembro, de acordo com levantamento feito pela reportagem de A TARDE.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Salvador (CDL), Carlos Roberto Oliveira, é ainda mais otimista. “Na Bahia devemos chegar em torno de 20 mil vagas de empregos temporários, sendo que Salvador deve abarcar 50% das oportunidades”, afirma, enfatizando que  até 60% da mão-de-obra deve ser destinada a grandes corporações, como lojas de departamentos,  móveis, eletrodomésticos e supermercados.

Segundo ele, a remuneração varia entre R$ 573 (piso mínimo) e R$ 2 mil, incluindo as comissões para vendedores.

Inscrições - A partir desta segunda-feira, 25, o Serviço Estadual de Intermediação para o Trabalho (SineBahia) disponibiliza 2.150 vagas para trabalhadores temporários. São 1.288 postos destinados a duas grandes redes de hipermercados de Salvador e Lauro de Freitas, 850 para duas grandes empresas do setor varejista e mais 175 oportunidades para o segmento de hotelaria, bares e restaurantes. O órgão ainda espera abrir outras 1.100 oportunidades até dezembro, ultrapassando a meta de 4 mil vagas temporárias para a capital baiana no período e 11 mil em todo o Estado.

O Serviço Municipal de Intermediação de Mão-de-Obra (Simm) também começa a selecionar mais 350 pessoas a partir de amanhã. São oportunidades para auxiliar de vendas (180), operador de caixa (90), promotor (40), auxiliar de depósito (15), estoquista (15) e fiscal de loja (10). Os interessados devem ter o ensino médio completo. A estimativa do órgão é oferecer 3,5 mil vagas até o final do ano.

Grande parte das vagas está destinada aos shoppings centers, sendo que o Salvador Shopping é o maior, com 1.5 mil oportunidades.  Não é à toa que foi em uma de suas lojas que a vendedora Joseane Barroso conseguiu sua chance, após dois anos desempregada.

Ela entrou como temporária em dezembro do ano passado e, após voltar outras duas vezes para curtos períodos na empresa, finalmente foi contratada em julho e passou a integrar o quadro de funcionários. “Eu insisti nessa vaga e digo que vale a pena tentar”, aconselha a vendedora.

Leia reportagem completa na edição impressa do Jornal A Tarde deste domingo, 24, ou, se você é assinante, acesse aqui a versão digital.

adblock ativo

Publicações relacionadas