adblock ativo

Brasil bate Coreia no Grand Prix

Publicado domingo, 07 de agosto de 2011 às 09:46 h | Atualizado em 07/08/2011, 10:13 | Autor: Agência Estado
adblock ativo

A seleção brasileira feminina de vôlei terminou a primeira semana do Grand Prix invicta e em primeiro lugar no Grupo C. Neste domingo, a equipe derrotou a Coreia do Sul, anfitriã da chave por 3 sets a 0, com parciais de 25/17, 25/20 e 25/22, em 1 hora e 17 minutos, na cidade de Busan.

O resultado levou o Brasil a terminar a sua participação no Grupo C com nove pontos e três vitórias nos três jogos disputados. Antes, a seleção havia superado o Japão por 3 sets a 0 e a Alemanha por 3 sets a 1.

Na segunda-feira, a equipe segue para a cidade de Almaty, no Casaquistão, onde disputará o Grupo F do Grand Prix. O Brasil vai enfrentar a seleção local, a Tailândia e a Itália. A estreia na chave será na sexta-feira, às 9 horas (de Brasília), contra as tailandesas.

A ponteira sul-coreana Kim Yeon, com 20 pontos, foi o destaque da partida deste domingo. Já a oposto Sheilla, com 14 acertos, e as centrais brasileiras Thaisa e Fabiana, com 11 pontos cada, foram as principais jogadoras do Brasil.

"Entramos no jogo mais concentradas do que ontem. A nossa relação de saque e bloqueio funcionou contra as coreanas. Nós conseguimos fazer uma boa leitura do jogo delas. Hoje o time como um todo teve uma boa atuação", disse Fabiana.

O técnico José Roberto Guimarães aprovou o desempenho do Brasil contra a Coreia do Sul. "O time jogou melhor hoje. Bloqueamos e defendemos bem. Esse é o tipo de jogo importante para o grupo. A Coreia do Sul é um time muito técnico, com muitas variações de jogadas. Isso exige muita atenção do nosso lado. O nosso bloqueio tocou em muitas bolas e conseguimos contra-atacar bem. Gostei bastante do jogo", comentou.

A ponteira Fernanda Garay substituiu Mari durante o segundo set e não saiu mais da equipe. Ela ficou satisfeita com a atuação. "Conseguimos impor o nosso jogo contra as coreanas. Fiquei feliz de ter ajudado o time. Aos poucos vou ganhando o meu espaço e o grupo passa a ter mais confiança no meu jogo", explicou.

O JOGO - O Brasil dominou completamente o início do duelo com a Coreia do Sul. Com pontos de bloqueio e uma sequência de saques de Dani Lins, a equipe foi ao primeiro tempo técnico vencendo por 8/1. Com o excelente começo de set, a seleção venceu com facilidade por 25/17.

O segundo set foi mais equilibrado e as sul-coreanas chegaram a liderar o placar por 13/12. Zé Roberto decidiu trocar Mari por Fernanda Garay e, no final, as asiáticas cometeram muitos erros. Assim, o Brasil aproveitou para triunfar por 25/20.

A seleção brasileira teve o controle da terceira parcial e foi ao segundo tempo técnico com cinco pontos de vantagem (16/11). A Coreia do Sul esboçou uma reação, encostou no placar (22/21), mas não conseguiu impedir o triunfo do Brasil por 25/22 e 3 sets a 0.

A seleção foi escalada contra a Coreia do Sul com Dani Lins, Sheilla, Fabiana, Thaisa, Mari, Paula Pequeno e a líbero Fabi. Tandara, Sassá, Fernanda Garay e Fabíola entraram durante o jogo.

adblock ativo

Publicações relacionadas