Empresário Allan Jesus diz ter contrato com Luva de Pedreiro até 2026

Agente afirma que soube de novos empresário do influenciador através da internet

Publicado quarta-feira, 22 de junho de 2022 às 23:28 h | Atualizado em 22/06/2022, 23:29 | Autor: Da Redação
Relação entre empresário e influenciador começou em fevereiro
Relação entre empresário e influenciador começou em fevereiro -

O empresário do influenciador "Luva de Pedreiro", Iran Ferreira, decidiu se manifestar em um comunicado oficial na noite desta quarta-feira, 22. Allan Jesus afirma que tem contrato vigente com Luva até 2026. Ele ainda alega que soube da suposta nova equipe de empresários, que agora comandariam a carreira do baiano, através de notícias na internet. (Íntegra abaixo)

Em outro trecho, Allan afirma ainda que, até o momento, não foi comunicado a respeito de uma "eventual tentativa de rescisão do Luva de Pedreiro". 

A polêmica surgiu após o influenciador fazer uma série de desabafos em uma live neste domingo, 19, onde declarou estar de "saco cheio" e anunciar uma pausa nos conteúdos nas redes sociais. No dia seguinte, Iran voltou atrás na decisão e retornou com as publicações divertidas. 

Nesta quarta-feira, 22, a notícia de um possível rompimento de contrato com o empresário Allan tomou conta da internet. Os novos agentes, que estariam gerindo a carreira de Iran, aumentaram os rumores de um suposto abuso de imagem por parte de Allan, já que apresentaram duas contas bancárias do Luva que tinham saldos somados abaixo dos R$ 7.500

Confira o comunicado na íntegra:

"É com absoluta perplexidade e profundo lamento que a ASJ, empresa com vasta expertise no segmento de marketing esportivo, recebe algumas noticias publicadas na imprensa - que infelizmente destacam informações levianas, apuradas de forma seletiva, sem compromisso algum com a verdade dos fatos. ASJ e Luva de Pedreiro, com uma trajetória de sucesso até aqui, possuem contrato com vigência até o ano de 2026. Se alguma das partes desejar efetivamente rescindir o contrato vigente, além de respeitar a forma acordada para tanto, deverá comunicar a outra oficialmente de sua decisão. Até o presente momento, a ASJ não recebeu qualquer comunicação formal e/ou notificação a respeito de eventual tentativa de rescisão do Luva de Pedreiro.

A única coisa que temos são indícios espalhados pela internet e notícias que dariam conta de um suposto novo agenciamento, o que em tese poderia configurar quebra de exclusividade. De qualquer modo, instado a se manifestar ou demonstrar a regularidade de seus atos, a ASJ o fará com muita tranquilidade, abrindo a quem de direito todos os contratos, documentos, extratos e o que mais for necessário. Por fim, manifestamos nossa certeza e convicção de que a verdade, como sempre, prevalecerá."

Publicações relacionadas