Bahia vacila, só empata com Cuiabá e segue sequência sem triunfos no Brasileirão | A TARDE
Atarde > Esportes > E.C.Bahia

Bahia vacila, só empata com Cuiabá e segue sequência sem triunfos no Brasileirão

Publicado sábado, 07 de agosto de 2021 às 23:00 h | Atualizado em 07/08/2021, 23:04 | Autor: Rafael Tiago Nunes
Tricolor saiu na frente, mas cedeu o empate | Foto:
Tricolor saiu na frente, mas cedeu o empate | Foto: -

A primeira partida da história entre Cuiabá e Bahia acabou empatada em 1 a 1, na Arena Pantanal. Resultado ruim para as duas equipes. Já que o Tricolor voltou a pontuar, mas acumula agora cinco jogos sem vencer pelo Campeonato Brasileiro, sendo quatro derrotas e um empate. Enquanto o Cuiabá entrou no Z4.

>> Veja tabela de classificação e jogos da Série A

O Esquadrão se manteve na 10ª colocação, com 18 pontos, e poder ir para a segunda metade da tabela após o encerramento da rodada neste domingo, 8. E o Dourado agora é o 17º, com 14 pontos, e é o primeiro dentro da zona de rebaixamento.

A partida contou com um primeiro tempo movimentado e com um golaço para cada lado. Rodriguinho abriu o placar para o Bahia após belo passe de cavadinha de Rossi. O Cuiabá empatou após boa trama, que acabou com Pepê estufando as redes de Matheus Teixeira.

Mas o segundo tempo foi de pouca inspiração e de poucas chances reais de gol. Pior par ao Esquadrão que segue sem vencer e com o técnico Dado Cavalcanti pressionado. A partida também marcou a estreia do atacante colombiano Hugo Rodallega, de 36 anos. 

O Bahia agora terá uma semana inteira livre para se preparar para a próxima rodada do Brasileirão, quando recebe o Atlético-GO, no domingo, às 18h15, no estádio de Pituaçu. Rossi recebeu o terceiro amarelo vai cumprir suspensão automática. Já o Cuiabá joga no mesmo dia e horário contra o Athletico-PR, em casa. 

Golaços

Bahia e Cuiabá iniciaram a partida de ontem, na Arena Pantanal, se estudando, arriscando pouco e com as jogadas muito concentradas pelo meio, o que gerou muitas faltas e deixou o jogo bastante truncado. Com um time mais leve, o Bahia tentava sair em velocidade e pressionar a saída de bola do Dourado para tentar surpreender.

Mas o duelo só veio ter um lance de maior perigo aos 15 minutos, quando o Tricolor subiu pela esquerda com Daniel e Juninho Capixaba. O lateral passou para Rodriguinho, que bate no gol. Uillian Correia desviou a bola, que tirou tinta da meta do goleiro Walter.

A jogada animou o Bahia, que passou a ter mais a posse de bola e trabalhar jogadas, principalmente, pelo lado direito, na dobradinha Nino Paraíba e Rossi. 

Com o Tricolor com o time avançado, o Cuiabá passou a ter muita dificuldade para sair jogando. Mas foi num rápido contra-ataque que o Esquadrão chegou ao primeiro gol, aos 25 minutos. Nino partiu em velocidade pela direita e cruzou. Óscar Ruiz desviou para Rossi, que deu uma cavadinha e deixou Rodriguinho na boa para bater de primeira e tirar o zero do placar.

Perdido em campo e sem criatividade ofensiva, o técnico Jorginho mexeu no time logo aos 30 minutos. Tirou Camilo e colocou o meia-atacante Danilo Gomes na busca de deixar o time mais ofensivo.

E a mudança surtiu efeito imediato. Aos 37, Pepê fez bela jogada com Danilo Gomes, invadiu a área, passou por Conti e Edson e chutou rasteiro, no canto, para empatar a partida na Arena Pantanal. Belo gol.

Mais ousado e confiante após o gol de empate, o Dourado quase virou aos 44 minutos. Pepê cobrou falta de longe e Rossi cortou errado. Danilo Gomes pegou a sobra e mandou um foguete. A bola passou perto e deixou Matheus Teixeira de cabelo em pé na Arena Pantanal.

Sem criatividade

E na volta do intervalo, o Bahia tomou um susto com menos de um minuto. O Cuiabá fez boa jogada pela direita, João Lucas recebe e deixa Danilo Gomes na boa para balançar as redes. Mas a arbitragem assinalou impedimento de João Lucas, na origem da jogada.

Pouco depois teve ótima chance desperdiçada por Gava, que recebeu bola limpa na entrada da área, mas pego muito mal na bola.

O dois times mexeram muito. No Bahia, inclusive, o técnico Dado Cavalcanti promoveu a estreia do atacante colombiano Hugo Rodallega.

Mas o jogo só fiz ficar mais amarrado e sem chances de gols. Felipe Marques foi expulso aos 44 após falta dura em Maycon Douglas. O Tricolor só levou algum perigo ao gol de Walter aos 47, em chute de  longe de Raniele, defendido pelo goleiro do Cuiabá.

Final de jogo, tudo igual e ruim para as duas equipes.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS