adblock ativo

Brasil enfrenta a França para tentar quebrar tabu de 20 anos

Publicado domingo, 09 de junho de 2013 às 14:58 h | Atualizado em 09/06/2013, 14:58 | Autor: Da Redação e Agências
brasil
brasil -
adblock ativo

A Seleção Brasileira faz neste domingo, 9, seu último teste antes da disputa da Copa das Confederações, às 16h (de Brasília), quando encara a França na Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS), em amistoso que promete ser muito disputado.

Os brasileiros empataram por 2 a 2 com a Inglaterra, no último fim de semana, na reabertura do Maracanã. Os franceses também estão aproveitando as datas reservadas pela Fifa para a disputa de amistosos e na quarta-feira perderam por 1 a 0 para o Uruguai, em Montevidéu.

Luiz Felipe Scolari, técnico da Seleção, espera uma evolução em relação ao amistoso contra a Inglaterra, embora tenha sempre se preocupado em lembrar que o resultado nesses casos é o que menos importa.

"O jogo contra a Inglaterra foi proveitoso. Espero que a gente consiga ter mais evolução contra a França, embora o fundamental é se preparar bem para a Copa das Confederações", disse.

Apesar da necessidade que tem Felipão de preservar seu elenco de uma possível cobrança da arquibancada, os jogadores confessam que desejam demais uma vitória para melhorar o relacionamento com a torcida.

Para o atacante Fred, a torcida, que deve lotar a moderna arena construída pela OAS,  será fundamental. "Vamos jogar em casa contra a França e na Copa das Confederações. Os torcedores podem ter certeza de que vamos nos empenhar muito na busca pelos resultados positivos".

Felipão não deve fazer muitas mudanças em relação ao time que empatou com a Inglaterra, já que a ideia é aprimorar ao máximo o entrosamento. A única modificação deverá ser a entrada do lateral-esquerdo Marcelo na vaga de Filipe Luís.

França

Assim como o Brasil, a França também busca a afirmação no cenário internacional e vem lutando com dificuldades para isso. Hoje aparece em segundo lugar, atrás da Espanha, em seu grupo nas Eliminatórias europeias para a Copa-2014.

Se isso permanecer, terá que brigar pela vaga na repescagem. Além disso, aparece apenas em 18º lugar no Ranking da Fifa, onde os brasileiros estão na 22ª posição.

Em termos de escalação, o time será bem diferente daquele que foi derrotado contra o Uruguai, quando o técnico Didier Deschamps preservou a maioria dos titulares.
O destaque do time francês é o atacante Karim Benzema, do Real Madrid.

O possível time do Brasil deve ser: Julio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Neymar e Fred.

adblock ativo

Publicações relacionadas