Qatar vai exigir vacina contra covid para torcedores na Copa de 2022

Publicado segunda-feira, 21 de junho de 2021 às 15:46 h | Atualizado em 21/06/2021, 15:58 | Autor: Da Redação

O Qatar anunciou no sábado, 19, que vai exigir a vacina contra covid-19 para quem quiser viajar ao país para a Copa de 2022. Autoridades do governo sinalizaram que a entrada de torcedores vai ser restrita às pessoas totalmente imunizadas.

O governo também avalia a possibilidade de ajudar os países a imunizarem os torcedores com a distribuição de 1 milhão de doses da vacina.

“Nosso principal objetivo ao vacinar algumas das pessoas que vêm ao Qatar para participar da Copa do Mundo de 2022 é proteger a saúde pública dos cidadãos e residentes, bem como proteger os torcedores que participam do torneio”, disse o primeiro-ministro, Al Thani, ao jornal Doha News. Ele não indicou quais vacinas seriam negociadas e nem como seria a distribuição.

Até o momento, o Qatar imunizou mais de 2,8 milhões de pessoas. A média de números de casos é de 150 e somente 1 morte por dia. Segundo Al Thani, o país deve chegar a 72% da população vacinada com pelo menos 1 dose nesta semana.

A Copa do Mundo de 2022 está marcada para novembro. Não há detalhes sobre como será feito o controle nos locais dos jogos. O evento deve ser o 1º no mundo que vai aceitar os estádios com a capacidade máxima desde o início da pandemia.

Publicações relacionadas