Ramon Menezes lamenta empate em sua estreia como técnico do Vitória no Barradão

Publicado segunda-feira, 14 de junho de 2021 às 10:29 h | Atualizado em 19/11/2021, 12:15 | Autor: Daniel Genonadio

Após conseguir uma heróica classificação contra o Intenacional na última semana, peka Copa do Brasil, o Vitória voltou a entrar em campo neste domingo, 13, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O Leão, no entanto, não saiu do zero contra o Operário (PR) e ainda não sabe o que é vencer na competição.

Em entrevista coletiva após a partida, o ídolo e novo técnico Ramon Menezes, que comandou o Vitória no Barradão pela primeira vez, falou sobre a decepção de não vencer dentro de casa.

"Empatar em casa, que todo mundo saiba que fiquei muito chateado. O torcedor, lógico, quer, dentro de casa, ver seu time jogar da melhor maneira possível e vencer os jogos. Mas eu falei um pouco qual foi nossa dificuldade. No começo do jogo, nós conseguimos pressionar o adversário, principalmente na saída de bola, roubamos algumas bolas. Tivemos as primeiras chances. Mas, do outro lado, também tem um grande adversário, o Operário é um bom time e dificultou nossas ações. Infelizmente, oscilamos muito dentro do jogo. Isso nos causou uma dificuldade. Alguns detalhes que precisam ser ajustados. E a gente vai fazer. Estamos aqui para fazer isso" disse Ramon Menezes.

Na sua estreia no comando do Vitória, contra o Internacional, o treinador optou por usar um esquema com três zagueiros. Diante do Operário, ele voltou ao habitual sistema com uma linha defensiva com quatro defensores. Questionado sobre qual modelo pretende utilizar, Ramon afirmou as possíveis variações como parte de um trabalho ainda em estágio inicial.

"Quando cheguei, no nosso primeiro jogo, optei por um equilíbrio defensivo com os três zagueiros. Então as coisas aconteceram. Eu estou conhecendo o grupo. Eu já conhecia, mas você conhece ainda mais no dia a dia. O importante aqui é levantar a autoestima desses atletas. Não faltou concentração, nem atitude, mas o adversário conseguiu, em determinados momentos, impor aqui dentro de casa. A gente tem que corrigir algumas coisas que não deram certo, pelo fato de ter entrado num 4-3-3 ou num 4-1-1. Porque, dentro da partida, mesmo entrando com um time, você faz algumas variações no jogo com esses mesmos jogadores", avaliou o treinador.

O Vitória volta a campo pela Série B na próxima quarta-feira, 16, contra o Remo, às 16h, em Belém. Ramon Menezes pretende avaliar a equipe paraense para fazer o Leão conquistar seu primeiro triunfo no campeonato.

"Agora é recuperar esses jogadores. Temos um compromisso muito difícil diante do Remo. É uma viagem. Observa a equipe do adversário, já começo hoje a estudar o adversário. O mais importante é que todo mundo tem que estar preparado, como estão. Quando cheguei, gostei muito, porque todo mundo estava muito preparado. Está todo mundo concentrado para dar o seu melhor quando entrar", concluiu.

Publicações relacionadas