STJD mantém suspensões e Leão terá desfalques na sexta-feira

Publicado quarta-feira, 30 de setembro de 2020 às 21:51 h | Atualizado em 30/09/2020, 21:55 | Autor: Rafael Teles

Em novo julgamento, dessa vez no Pleno Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Paulo Carneiro, Léo Ceará e Vico tiveram mantidas as punições pelos fatos ocorridos na partida contra o Ceará. A decisão tomada nesta quarta-feira, 30, gera impacto imediato para a comissão técnica rubro-negra, que não poderá contar com os atacantes no jogo de amanhã, contra o Operário-PR, pela 13ª rodada da Série B.

Os jogadores foram advertidos na partida em que o Leão foi eliminado da Copa do Brasil. Vico foi expulso pelo acúmulo de cartões amarelos e está suspenso por um jogo. Já Léo Ceará, que recebeu o vermelho direto após se envolver em uma confusão com o volante Charles, do Vozão, fica fora de ação por duas partidas.

O Pleno do STJD também manteve a suspensão de 135 dias para Paulo Carneiro, mas aumentou o valor da multa a ser paga pelo presidente do Vitória. O valor de R$ 21 mil imposto pela 5ª Comissão Disciplinar foi ampliado para R$ 61 mil no julgamento desta quarta. O cartola foi punido pela invasão de campo e pelas ameaças e xingamentos feitos ao meia Vinícius, do Ceará.

Campo e bola

Sem tempo para lamentar a derrota em casa para o CSA, os jogadores do Vitória se reapresentaram nesta quarta e já deram início a preparação para a partida diante do Operário-PR. Depois da atividade na Toca do Leão, o grupo embarcou para Curitiba, onde hoje treina pela última vez antes da partida no Estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa.

Outras categorias

O time feminino do Vitória marcou nesta quarta seu primeiro gol no Brasileiro da categoria, mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 1 para o Audax-SP, pela 12ª rodada da competição.

No sub-20, o Leão entrou em campo pela segunda rodada e venceu o Botafogo por 1 a 0.

Publicações relacionadas