Vitória vence Operário por 1 a 0 e respira na luta contra o rebaixamento

Publicado sábado, 04 de setembro de 2021 às 14:01 h | Atualizado em 04/09/2021, 14:07 | Autor: Felipe Viterbo

Em situação delicada no campeonato e fragilizado pela situação política que assola a estrutura do clube, o Vitória foi até Ponta Grossa, no Paraná, onde venceu o Operário/PR por 1 a 0 neste sábado, 4, em partida válida pela 22ª rodada da série B do Campeonato Brasileiro.

>> Veja tabela de classificação e jogos da Série B

O triunfo, o primeiro fora de casa no campeonato, deu sequência à recuperação do clube, que já soma seis jogos sem perder e deixa o rubro-negro com a mesma pontuação do Vila Nova, primeira equipe fora do Z-4, atrás apenas pelo número de vitórias: cinco para a equipe goiana, contra quatro para o rubro-negro baiano.

O Jogo

Com as baixas do goleiro Ronaldo, do zagueiro Marcelo Alves, do lateral-direito Raul Prata, dos meias Gabriel Santiago e Eduardo, dos atacantes Vico e Dinei, além da suspensão do lateral-esquerdo Roberto por acúmulo de cartões amarelos, o Vitória viajou até o Paraná em busca do seu primeiro triunfo como visitante na Série B.

O rubro-negro encontrou dificuldades para desenvolver suas jogadas nos primeiros minutos de jogo ao encontrar um adversário mais organizado e que empurrou o time baiano para o seu campo de defesa durante o primeiro terço da partida. A primeira chance do Leão veio aos 12 minutos do primeiro tempo com David, que recebeu um passe de Marcinho e bateu forte de fora da área. A bola ainda quicou na frente do goleiro alvinegro mas saiu pela linha de fundo. 

Apesar do bom começo de jogo, o meio campo rubro-negro parecia desconcentrado e, devido à muitos erros de passe e domínio de de bola, concedeu ocasiões importantes ao Fantasma. Quando o Operário começava a gostar do jogo, Mateus Moraes aproveitou o cruzamento de David, na área, e mandou de cabeça, sem chance para o goleiro Simão, aos 38 minutos do primeiro tempo.

Na segunda etapa, a equipe comandada por Wagner Lopes recuou suas linhas de marcação e fechou os espaços para os ataques da equipe Paranaense, que teve apenas um chance clara de gol quando Djalma Silva recebeu na esquerda e finalizou assustando o goleiro Lucas Arcanjo. Ao fim, três pontos e alívio para o Leão da Barra, que agora acumula seis jogos sem derrota.

Na próxima rodada o Vitória encara o Remo (PA), no estádio do Barradão, na sexta-feira, 10, às 19h. A partida pode ser considerada como uma decisão já que em caso de vitória, o rubro-negro baiano poderá sair da zona e se aproximar do adversário, atualmente na 12ª posição com 27 pontos e um jogo a menos, e do miolo da tabela.

Publicações relacionadas