adblock ativo

Evento de boxe contra câncer de mama terá presença de medalhista olímpica

Publicado às | Atualizado em 06/12/2021, 15:36 | Autor: Da Redação
Adriana Araújo (foto) é convidada nas aulas que serão ministradas pelo ex-lutador Jailson Santos, na Arena Fonte Nova | Foto: Felipe Iruatã | Ag. A TARDE
Adriana Araújo (foto) é convidada nas aulas que serão ministradas pelo ex-lutador Jailson Santos, na Arena Fonte Nova | Foto: Felipe Iruatã | Ag. A TARDE -
adblock ativo

Com a presença da pugilista e medalhista olímpica, Adriana Araújo, além do ex-lutador Jailson Santos, acontece neste sábado, 23, de 8h às 12h, na Arena Fonte Nova, o evento 'Guarda Alta contra o Câncer de Mama'. A iniciativa contará com aulas de boxe, palestra, música, tour pela arena e outras atividades.

Divididas em 200 alunos cada, três turmas de boxe serão ensinadas as ações básicas do boxe. O evento aproveita a fama que o esporte ganha a cada dia para dar visibilidade a luta contra a doença, em um ambiente formado por alunos das escolas públicas estaduais, professores, educadores e amantes do esporte. As aulas são gratuitas, mas com vagas limitadas.

Antes, uma palestra com especialista apresentará os cuidados e a atenção contra o câncer de mama. O evento terá transmissão online e contará também com o tour guiado nas dependências do estádio, uma volta pelo centro histórico pelo Salvador Bus e chute ao gol na arena.

Entre uma turma e outra, o DJ e produtor Mauro Telefunksoul estará animando o local. Há quase trinta anos, ele é apaixonado pela bass music e possui vasto conhecimento nas músicas e baiana.

Mauro Passou por projetos como a Sambatrônica e Negra Cor, Zambotronic e Tritor, tendo tocado com nomes como Carlinhos Brown , Daniela Mercury e Emanuelle Araujo. No Guarda alta contra o câncer, ele preparou trilha 100% feminina, fazendo uma homenagem às mulheres na luta contra o câncer de mama.

Pugilistas

Revelado em 1999, Jailson Santos nocauteou o paulista Adriano dos Santos e ficou com o cinturão na categoria peso-leve. Ele treinou grandes ícones do MMA, a exemplo de Vitor Belfort, além dos irmãos Minotauro e Minotouro. Com a experiência de já ministrar classes para vários alunos, o professor foi bicampeão baiano, brasileiro e do Norte-Nordeste de Boxe.

Já Adriana Araújo foi 12 vezes campeã brasileira de boxe, 8 vezes campeã continental e também campeã sul-americana, tendo participado dos Jogos Pan-americanos de 2011, em Guadalajara. Ela foi a primeira atleta do Brasil a obter medalha olímpica no boxe feminino, levando a medalha de bronze dos Jogos Olímpicos de Londres de 2012.

adblock ativo

Publicações relacionadas