Fora do UFC na Rússia, Júnior Cigano é internado com bactéria na perna

Publicado quarta-feira, 23 de outubro de 2019 às 10:50 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Da Redação | Foto: Reprodução | Instagram

Após os rumores da desistência de Júnior Cigano do confronto com Alexander Volkov no UFC Moscou, previsto para o dia 9 de novembro, o lutador veio a público nesta terça-feira, 22, através das redes sociais, para esclarecer o que motivou sua saída. Em vídeo, Cigano afirmou que está internado em um hospital desde a última segunda-feira, 14, após descobrir uma infecção bacteriana na perna esquerda.

O lutador contou como percebeu que havia algo de errado com sua perna enquanto treinava na academia. "Eu estava treinando na sexta-feira passada na academia, chutando o saco. No sábado, apareceu uma 'lesãozinha' na minha perna e eu tratei como sempre trato, colocando gelo e tomando anti-inflamatório. No domingo, não melhorou, eu notei que piorou bastante, estava bastante quente, vermelho e dolorido. Aí percebi que já não se tratava de uma lesão comum", explicou.

Cigano também afirmou ter passado por três cirurgias para a colocação e retirada de drenos - tubo utilizado para remover fluidos de uma ferida - e segue com um tratamento rígido com antibióticos.

Ele ainda explicou o motivo de não ter anunciado, até o momento, sua internação. "Não falei nada antes porque minha intenção era continuar na luta. Seria minha primeira luta na Rússia. Estava confiante que ia acontecer isso, mas neste domingo, o doutor me falou que eu sou um cara de sorte, que sou forte e bastante saudável, porque pela gravidade da situação era para eu ir direto para a UTI, e isso fez cair a ficha que realmente não daria para continuar na luta", desabafou Cigano.

O lutador agradeceu o apoio dos fãs, e ressaltou a vontade enfrentar Volkov em outra oportunidade.


Imagem ilustrativa da imagem Fora do UFC na Rússia, Júnior Cigano é internado com bactéria na perna
Drenos auxiliam na remoção dos fluidos da ferida

Publicações relacionadas