adblock ativo

Mineirinho avança em Margaret River e pode assumir ponta do ranking do surfe

Publicado sexta-feira, 17 de abril de 2015 às 09:51 h | Atualizado em 19/11/2021, 06:48 | Autor: Estadão Conteúdo
adblock ativo

O Brasil tem chances reais de encerrar a terceira etapa do Circuito Mundial de Surfe na liderança do ranking. Nesta sexta-feira, Adriano Souza, o Mineirinho, foi o único entre os quatro competidores do País a triunfar, se classificando para a quarta fase da etapa de Margaret River, na Austrália. Além disso, com a eliminação de Mick Fanning, batido pelo australiano Jay Davies, o ultrapassou e assumiu condição de número 1 da temporada 2015.

Nesta sexta, Mineirinho bateu o neozelandês Ricardo Christie, algoz do brasileiro Filipe Toledo em Margaret River. O brasileiro não começou bem em sua bateria, mas pegou um tubo de levantar o público e recebeu 7,83 pontos pela manobra. No contagem final, Mineirinho ficou com 9,60 e desbancou o rival, que não conseguiu um bom desempenho no mar australiano e deixou as águas com apenas 4,37.

"As condições estão muito difíceis, assustadoras até, mas estou muito feliz por ter a oportunidade de competir três vezes já neste lugar incrível que é The Box", disse Mineirinho.

O brasileiro ainda não assegurou que vai terminar a etapa de Margaret River na liderança do ranking, pois para isso precisa se garantir nas semifinais. Mas o único que pode impedi-lo é Julian Wilson, que precisa vencer esta etapa e ainda ver o brasileiro cair até as quartas de final.

E Mineirinho fará um duelo com o australiano na luta por uma vaga direta nas quartas de final, em bateria marcado para este sábado (no horário australiano) e que também contará com a participação do também australiano Taj Burrow.

"É muito cedo ainda, o circuito está só começando e meu foco mesmo é surfar bem cada onda, cada bateria, cada evento, procurando fazer o meu melhor e ainda tenho muito o que fazer aqui. Depois sim vamos ver como vai ficar, mas prefiro manter o meu foco como venho fazendo até agora", afirmou Mineirinho.

Único brasileiro a passar direto para a terceira fase, Miguel Pupo acabou sendo derrotado pelo norte-americano Nat Young por uma pequena diferença - 13,50 a 12,37. Jadson André caiu para o australiano Owen Wright por 16,33 a 12,50. Italo Ferreira foi superado pelo australiano Josh Kerr por 13,66 a 11,50 pontos.

Quem roubou a cena nesta sexta foi o australiano Jay Davies. Depois de despachar o atual campeão mundial Gabriel Medina na segunda rodada, ele protagonizou mais uma zebra ao eliminar o tricampeão mundial Mick Fanning. Davies somou 16,83 pontos, enquanto o compatriota registrou 13,90 e deu adeus à disputa em Margaret River.

adblock ativo

Publicações relacionadas