Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > ESPORTES
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
21/04/2023 às 21:02 - há XX semanas | Autor: Da Redação

"Não fiz nada", diz Cuca sobre condenação na Suíça em 1987

Condenado por estupro, treinador foi apresentado nesta sexta-feira pelo Corinthians

Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca
Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca -

A apresentação do técnico Cuca como novo treinador do Corinthians aconteceu em meio a protestos de torcedores no CT Joaquim Grava. Em entrevista, Cuca falou abertamente sobre a condenação por estupro na Suíça, em 1987. O profissional negou envolvimento no caso e falou sobre campanha "respeita as minas" durante coletiva.

"Esse é um tema delicado, um tema pessoal meu. Eu faço questão de falar sobre ele, e vou tentar ser o mais aberto possível quanto a isso, quanto ao que me cabe. É um tema que aconteceu há 30 anos, em 1987, eu fazia, não sei ao certo, estava emprestado do Juventude ao Grêmio, fiquei uns 20 dias para tirar o passaporte. Tenho vaga lembrança de tudo o que aconteceu porque foi há muito tempo. Nessa vaga lembrança que tenho, eu tinha 20 e poucos anos na época. Nós iríamos jogar uma partida, subiu uma menina ao quarto, o quarto era o que eu estava junto com outros jogadores. Era um quarto duplo. Essa foi a minha participação nesse caso. Eu sou totalmente inocente, eu não fiz nada", disse o treinador.

Cuca afirmou que sempre respeitou as mulheres e nunca "encostou indevidamente" em uma. O técnico falou também sobre o casamento com Regiane e destacou que tem duas filhas.

Parte da torcida do Corinthians reagiu de forma negativa após a confirmação do treinador. Os protestos começaram na internet e seguiram até os muros do CT. Durante a apresentação, manifestações do lado de fora do CT Joaquim Grava foram registradas.

"Se a vítima disse que eu não estava e eu juro por Nossa Senhora, que eu amo, que eu não estava, como é que eu posso ser condenado pela internet? O mundo mudou, eu sei disso, sei que a mulher tem uma autodefesa maior, e eu quero fazer parte disso. Eu sou pai, sou avô, sou marido, sou filho. Quero poder cada vez mais ajudar. Por isso estou aqui, um time que tem 53% de torcida feminina. Um time que tem a causa aí, até escrevi aqui, como é que é? Respeita as minas. Venho aqui e tem um protesto, é lógico que vai ter", pontuou Cuca.

No comando do Corinthians, Cuca estreia neste domingo, 23, às 19h, diante do Goiás. O duelo será realizado em Goiânia.

Assuntos relacionados

Apresentação corinthians Cuca

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

Apresentação corinthians Cuca

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

Apresentação corinthians Cuca

Publicações Relacionadas

A tarde play
Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca
Play

VÍDEO: Torcedores do Vasco param atacante Rossi em condomínio no RJ

Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca
Play

Senadores acusam CBF de manipular uso do VAR: "Escandaloso"

Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca
Play

Mãe de Rafaelle fica "sem palavras" com realização de sonho da filha

Grupo de torcedores do Corinthians protestou contra a contratação de Cuca
Play

Torcedores são flagrados brigando no Barradão durante jogo do Vitória

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA