Menu
Pesquisa
Pesquisa
Busca interna do iBahia
HOME > ESPORTES
Ouvir Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no X Compartilhar no Email
08/01/2023 às 14:14 - há XX semanas | Autor: AFP

Novak Djokovic conquista seu primeiro título do ano em Adelaide

Aos 35 anos, o sérvio ampliou sua invencibilidade na Austrália para 34 partidas consecutivas

Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda  após mais de três horas de jogo
Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda após mais de três horas de jogo -

O sérvio Novak Djokovic conquistou seu primeiro título do ano, neste domingo, 8, em Adelaide, na Austrália, ao derrotar o americano Sebastian Korda na final, por 6 a 7 (8/10), 7 a 6 (7/3), 6 a 4, em mais de três horas de jogo.

O sérvio teve que salvar um match point no segundo set, antes de conquistar o 92º troféu da carreira e dar seu aviso sobre suas chances de vencer o Aberto da Austrália, que começa em uma semana e onde tentará igualar o recorde de títulos de Rafael Nadal no Grand Slam, 22.

Djokovic, aos 35 anos, ampliou sua invencibilidade na Austrália para 34 partidas consecutivas.

O sérvio buscará seu décimo título no Grand Slam australiano, ajudado pela ausência em Melbourne Park do lesionado número 1 do mundo, o espanhol Carlos Alcaraz.

"Foi uma semana maravilhosa. Estar aqui agora é um presente, com certeza", disse o sérvio, número cinco do mundo, que venceu em Adelaide em 2007 no início da carreira, e ficou de fora do Aberto da Austrália do ano passado, após ser deportado por se recusar a ser vacinado contra a covid.

"Dei tudo hoje e também ao longo da semana para poder colocar as mãos neste troféu", acrescentou.

“O apoio que recebi nos últimos dez dias foi algo que acho que não experimentei muitas vezes na minha vida", explicou Djokovic, que tem muitos fãs na Austrália, um país que também conta com uma grande comunidade sérvia.

"Eu definitivamente senti como se estivesse jogando em casa", explicou.

Djokovic conseguiu salvar um match point enquanto sacava com uma parcial de 5-6, 30/40 no segundo set para vencer o set no tie break.

Korda, de 22 anos, disputou a quinta final de sua carreira e disse que a experiência da derrota em Adelaide o ajudará pelo resto da temporada.

"Foi um ótimo começo de ano. Gostaria de ter vencido hoje, mas agora começa uma longa temporada e tirei muitas coisas positivas desta semana", disse o jovem tenista.

"Acho que nós (a equipe dele e ele) teremos um ótimo ano juntos", garantiu.

Djokovic, que não mostrou sinais de problemas nas pernas que o incomodaram durante a vitória sobre o russo Daniil Medvedev no sábado, elogiou o adversário americano.

"Grande esforço hoje, Seb. Eu diria que você provavelmente esteve mais perto da vitória do que eu. O jogo foi decidido por um ou dois golpes, um ou dois pontos", explicou o sérvio.

"Você teve azar hoje, mas o futuro parece brilhante para você", concluiu Djokovic.

Assuntos relacionados

esporte Sérvia tênis

Compartilhe essa notícia com seus amigos

Compartilhar no Email Compartilhar no X Compartilhar no Facebook Compartilhar no Whatsapp

Tags:

esporte Sérvia tênis

Repórter cidadão

Contribua para o portal com vídeos, áudios e textos sobre o que está acontecendo em seu bairro

ACESSAR

Assuntos relacionados

esporte Sérvia tênis

Publicações Relacionadas

A tarde play
Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda  após mais de três horas de jogo
Play

VÍDEO: Torcedores do Vasco param atacante Rossi em condomínio no RJ

Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda  após mais de três horas de jogo
Play

Senadores acusam CBF de manipular uso do VAR: "Escandaloso"

Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda  após mais de três horas de jogo
Play

Mãe de Rafaelle fica "sem palavras" com realização de sonho da filha

Sérvio derrotou o americano Sebastian Korda  após mais de três horas de jogo
Play

Torcedores são flagrados brigando no Barradão durante jogo do Vitória

x

Assine nossa newsletter e receba conteúdos especiais sobre a Bahia

Selecione abaixo temas de sua preferência e receba notificações personalizadas

BAHIA BBB 2024 CULTURA ECONOMIA ENTRETENIMENTO ESPORTES MUNICÍPIOS MÚSICA POLÍTICA