adblock ativo

Prata em Londres revela dificuldade com patrocínio

Publicado quarta-feira, 03 de outubro de 2012 às 12:43 h | Atualizado em 03/10/2012, 12:52 | Autor: Da Redação
Esquiva Falcão pugilista medalha de prata em Londres
Esquiva Falcão pugilista medalha de prata em Londres -
adblock ativo

Dono de uma medalha de prata na última Olimpíada, o pugilista Esquiva Falcão ainda aproveita a fama e as homenagens prestadas após a conquista inédita em Londres. Uma coisa, porém, ainda preocupa o atleta capixaba: a falta de patrocínios.

Apesar da visibilidade, Esquiva ainda luta por um apoio à altura da sua conquista olímpica. Homenageado em um evento de premiação da revista Sport Life, na última terça-feira, 2, o pugilista revelou seus planos para os Jogos de 2016 e o futuro na carreira.

O atleta revelou que vem recebendo propostas para diversas modalidades, mas que nenhuma conseguiu até o momento seduzi-lo mais que as Olimpíadas. "Tem bastante gente mandando e-mail, telefonemas me procurando, mas ainda não tem nada certo. Acredito que mais para frente vai ter bastante [propostas], já tive proposta para o [Boxe] profissional, mas ainda não é o valor que cobre a medalha olímpica. Do jeito que está rolando ainda fico para 2016", comentou.

O pugilista garantiu que seu objetivo no momento é buscar o degrau mais alto do pódio nos próximos Jogos. "O meu futuro só Deus sabe, mas creio que continuo até 2016 buscando a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos. Esse é o objetivo central agora. Consegui me colocar entre os atletas de ponta e quero continuar entre no pódio", cravou.

Esquiva contou que estuda também trocar o Boxe Olímpico pelas Artes Marciais Mistas nos próximos anos e assim realizar um desejo antigo do seu pai e mentor no esporte, o ex-pugilista Touro Moreno. "É o sonho dele, mas acho que só entraria no MMA depois de 2016, porque ainda preciso aprender outras lutas. Só depois de aprender é que vou arriscar", 

adblock ativo

Publicações relacionadas