Polícia busca identificar torcedor do Boca Júniors após atos racistas | A TARDE
Atarde > Esportes

Polícia busca identificar torcedor do Boca Júniors após atos racistas

O homem chamou os tricolores do Fluminense de "escravos" e "macacos de merda" após briga entre torcidas

Publicado sábado, 04 de novembro de 2023 às 14:25 h | Autor: Da Redação
Polícia busca identificar torcedor do Boca Júniors após atos racistas
Polícia busca identificar torcedor do Boca Júniors após atos racistas -

A Polícia Civil do Rio de Janeiro busca identificar o torcedor do Boca Juniors que praticou atos racistas durante uma entrevista para um canal de televisão da Argentina. O homem chamou os tricolores do Fluminense de "escravos" e "macacos de merda" após ser perguntado sobre as confusões entre as torcidas. As informações são do G1.

As investigações estão em realizadas pela Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi). Segundo informações do G1, a especializada vai solicitar ajuda ao consulado da Argentina para que o homem seja identificado e preste esclarecimentos à polícia.

O homem cometeu os atos durante uma entrevista ao vivo para a TV Todo Notícias, na noite desta sexta-feira, 3, na praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro. A briga envolveu as torcidas organizadas do Fluminense e torcedores do Boca na praia.

Ao G1, a delegada titular da Decradi afirmou que o homem responderá por racismo. "É inadmissível esse tipo de conduta, ainda mais em especial, num clima de festivo, internacional. Não se pode tolerar, nem aqui e nem em lugar nenhum, racismo, intolerância e discriminação", disse Rita Salim.

Em nota enviada ao Portal A TARDE, a Polícia Civil informou as diligências seguem para identificar o autor e esclarecer todos os fatos.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS