adblock ativo

Real não libera Robinho e CBF promete ir à Fifa

Publicado quarta-feira, 13 de junho de 2007 às 08:15 h | Atualizado em 13/06/2007, 08:15 | Autor: Agencia Estado
adblock ativo

A briga entre Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e Real Madrid ganhou mais um capítulo ontem e pode acabar na Fifa. O clube afirma que Robinho estará em campo no domingo, contra o Mallorca, na última rodada do Campeonato Espanhol, e a entidade diz aguardar sua apresentação em Teresópolis ainda hoje - o que não ocorrerá, pois o jogador segue em Madri.

Caso Robinho não apareça à tarde na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), a CBF promete enviar comunicado à Fifa e à Real Federação Espanhola relatando o problema, a fim de que alguma sanção seja aplicada ao Real Madrid.

"Nossa posição não muda. Nunca houve boa vontade do Real com a CBF. Nunca houve compreensão ou alguma concessão do outro lado. Então, agora, vamos fazer valer nossos direitos", informou Rodrigo Paiva, assessor de imprensa da entidade.

Robinho não se pronuncia publicamente sobre o caso, mas gostaria de defender o Real na partida em que a equipe pode conquistar o título espanhol - basta uma vitória sobre o Mallorca, no domingo, para o time de Madri ser campeão. "O Real Madrid precisa mais do Robinho, na seleção ele apenas treinaria", comentou Wagner Ribeiro.

A entidade se baseia no estatuto da Fifa, que obriga a liberação de atletas para competições oficiais de seleções nacionais até 14 dias antes do início da disputa.

adblock ativo

Publicações relacionadas