Rodada de Natal: Em clássico eletrizante, Celtics vence Lakers | A TARDE
Atarde > Esportes

Rodada de Natal: Em clássico eletrizante, Celtics vence Lakers

Na sequência, Miami Heat não dá chance ao 76ers e Maverick atropela o Phoenix Suns

Publicado terça-feira, 26 de dezembro de 2023 às 09:58 h | Autor: Beatriz Amorim
Celtics e Lakers protagonizam grande partida na rodada de Natal
Celtics e Lakers protagonizam grande partida na rodada de Natal -

Diferente do que ocorre no restante do mundo, os campeonatos esportivos dos Estados Unidos seguem a todo vapor desde o feriado do dia 25 de dezembro, o Natal. Assim, presenteando os amantes de basquete com uma rodada quíntupla de muitas bolas na rede e grandes duelos de franquias e jogadores. Desta forma, não faltou emoção no duelo entre as duas maiores equipes da liga, Los Angeles Lakers e Boston Celtics. 

A rodada contou também com o encontro do Miami Heat, atual campeão da conferência Leste, e o Philadelphia 76ers, que não contou com Joel Embiid, seu principal jogador. Para fechar o dia natalino, o Dallas Mavericks jogou, fora de casa, contra o Phoenix Suns, colocando frente a frente Luka Doncic e Kevin Durant. 

Anteriormente, o Milwaukee Bucks enfrentou o New York Knicks no Madison Square Garden e saiu derrotado por 129 a 122 com uma grande atuação do ala-armador Jalen Brunson, que marcou 38 pontos a favor da equipe de Nova York. Na sequência, o segundo jogo da rodada foi entre os dois últimos campeões da NBA: o Denver Nuggets (2023) e o Golden State Warriors (2022). O resultado foi positivo em 120 a 114 para o atual detentor do título, que teve Jamal Murray como cestinha, com 28 pontos. 

Anthony Davis brilha, mas Lakers perde para o Boston Celtics 

A partida começou com uma completa avalanche da equipe de Boston, líder da conferência Leste, abrindo nove de vantagem ao fim do primeiro quarto, que chegou a ficar com uma diferença de 16 pontos. Na sequência, o Lakers, 9° colocado do oeste, até conseguiu recuperar ao vencer o segundo quarto e ir ao intervalo com uma desvantagem de somente um ponto, animando os torcedores que estavam presentes na Crypto.com Arena, em Los Angeles. 

Na volta para o terceiro período, a avalanche verde voltou com tudo, marcando uma bela sequência de cestas e retomando a vantagem construída no início do confronto, indo para o último quarto com uma vantagem de nove pontos. Na reta final, o belo jogo de Anthony Davis não foi suficiente para desbancar os líderes da conferência, que ainda abriram mais dois pontos, vencendo o jogo em 126 a 115. 

O cestinha da partida foi o pivô Anthony Davis, que marcou 40 pontos e colaborou com 13 rebotes. Lebron James, também do Lakers, marcou 16 pontos e garantiu 8 assistências. Do lado do Celtics, Kristaps Porzings foi o melhor pontuador, com 28 pontos marcados e 11 rebotes garantidos. 

Em jogo de total domínio, Heat vence 76ers dentro de casa 

Sem dar chances ao Philadelphia 76ers, 3° colocado, o Miami Heat, atual campeão da Conferência Leste, venceu o seu 18° jogo na temporada regular, podendo subir para a 4° posição na tabela. O destaque individual do confronto foi para Jaime Jaquez Jr, do Heat, que marcou um duplo-duplo no Kaseya Center, em Miami, com 31 pontos e 10 rebotes.

O Miami foi superior em três dos quatros quartos disputados, vencendo o primeiro, o segundo e o último. A tentativa de recuperação do 79ers ficou no terceiro período, mas não surtiu muito efeito, tendo em vista que saíram derrotados por 119 a 113. 

Doncic brilha contra o Phoenix Suns
Doncic brilha contra o Phoenix Suns |  Foto: Christian Petersen / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP
 

Luka Doncic dá show e Mavericks vence fora de casa

No último jogo da rodada, aquele que marcou a despedida do Papai Noel do ano de 2023, Phoenix Suns e Dallas Mavericks protagonizaram um grande duelo para fechar o dia com chave de ouro na Footprint Center, na cidade de Phoenix. Com grandes astros em quadra, o que se destacou foi o esloveno Luka Doncic, que marcou 50 pontos e 15 assistências. 

A partida foi dominada pelo Dallas durante os dois primeiros quartos do confronto, vencendo o primeiro por 36 a 24, mas perdendo o segundo por dois pontos, indo para o intervalo com 64 a 54 no placar a seu favor. No terceiro período, o Phoenix conseguiu uma recuperação impressionante e chegou a liderar por cinco pontos. 

No último quarto, aquele que foi decisivo, o esloveno que veste a camisa 77 brilhou e fez com que a sua equipe disparasse nos minutos finais, vencendo o período por 15 pontos e o jogo em 128 a 114. 

Publicações relacionadas