Tricolores curtem evento dos troféus do City e falam do futuro do time | A TARDE
Atarde > Esportes

Tricolores curtem evento dos troféus do City e falam do futuro do time

Fiel torcida Tricolor fala das expectativas para a temporada 2024

Publicado quarta-feira, 10 de janeiro de 2024 às 11:45 h | Atualizado em 10/01/2024, 12:06 | Autor: Beatriz Amorim e Marcelo Góis
Mantos do Esquadrão em exposição no Museu do Bahia
Mantos do Esquadrão em exposição no Museu do Bahia -

Na manhã desta quarta-feira, 10, o Museu do Bahia promove a exibição dos troféus conquistados em 2023 pelo Manchester City. Além disso, as camisas do 'Concurso Manto do Esquadrão' estão sendo expostas para que o torcedor avalie com mais critérios a camisa que vai ser utilizada pelo time em 2024. A fiel torcida tricolor acompanha de perto o evento na Arena Fonte Nova.

O motorista Leandro Ribeiro se mostra ansioso para o início da temporada. Com as contratações sendo feitas, ele afirma que o Esquadrão de Aço tem a obrigação de terminar entre os 10 primeiros na Série A.

"A expectativa é grande, até porque esse último ano da gente não foi muito bem e com as contratações que o grupo está fazendo esse ano, com certeza, a gente vai brigar lá entre os 10, se Deus permitir para gente. Menos que isso, a gente não aceita não", disse o torcedor ao Portal A TARDE.

"Então, o Baiano a gente consegue, a Copa do Nordeste, pela qualidade. A gente tem um adversário que é o Fortaleza, que também tem um time muito bom. No Brasileiro a gente espera chegar, como eu te falei, entre os 10 e ver se a gente chega até a semifinal ou seja campeão na Copa do Brasil", completou.

Projetando os Ba-Vis do Baianão, Copa do Nordeste e Série A, Leandro espera nada mais do que triunfos diante do maior rival.

"O palpite pra gente é o triunfo com 2x0 e a galinha que corra. Suma da frente da gente. Seis pontos garantidos, sem sombra de dúvida".

Apaixonado pelo Esquadrão desde menino, o frentista Antônio Bonfim fala emocionado pelo amor ao Tricolor. Confiante, ele espera que o Bahia chegue a Libertadores e já projeta viagens pelo continente para acompanhar o time.

Imagem ilustrativa da imagem Tricolores curtem evento dos troféus do City e falam do futuro do time
"Falar do Bahia a gente fica o dia todo. Mas é o amor, é o amor que eu tenho. O Bahia é o mundo. Desde pequeno sou Bahia. Venho para todos os jogos, sou sócio. A expectativa é boa, aproximando um grupo aí que está evoluindo, estamos em outro patamar, jogadores de nível alto. A expectativa é que o ano que vem é ir para o Libertadores. Inclusive, já estou aguardando um dinheirinho para ir para a Libertadores", disse.

Em relação as competições em 2024, o torcedor de 52 anos espera que a equipe conquiste tudo que disputar na temporada. 

"Olha, esse ano é o Baiano, o Nordeste. Tô com uma fé na Copa do Brasil. E dá pra chegar o título brasileiro também", afirmou.

A chegada de Everton Ribeiro ao Tricolor agitou o mercado da bola. Antônio acredita que a parceria com Cauly será fundamental para o sucesso do clube.

"Cauly foi uma surpresa pra gente. Ele nunca jogou no Brasil e mostrou que sabe do jogo. Acho que ele e Everton Ribeiro vão se entender muito bem. Inclusive, já tem Jean Lucas, Acevedo que está machucado. O Bahia terá um dos melhores meios de campo do Brasil", finalizou.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS